Diversão e Arte

Com direção de Caetano Veloso, Teresa Cristina canta Noel Rosa no canal Bis

O show 'Batuque é um privilégio' será exibido nesta segunda-feira (20/7), às 21h

Correio Braziliense
Correio Braziliense
postado em 20/07/2020 10:25
Teresa Cristina
A artista Teresa Cristina lança, nesta segunda-feira (20/7), às 21h, o segundo trabalho da trilogia proposta em homenagem aos grandes sambistas do Brasil. O show Batuque é um privilégio será exibido no Canal Bis e homenageia Noel Rosa, o eterno poeta de Vila Isabel e um dos maiores nomes da MPB.

Na trilogia, Teresa Cristina dá voz à obra de um grande compositor, acompanhada por Carlinhos Sete cordas, com arranjo bem pessoal. O trabalho conta com direção musical de Caetano Veloso e a apresentação que será exibida foi gravada no no Theatro Net Rio, em 2019.

[SAIBAMAIS];Noel é o elo entre o samba do morro e o samba do asfalto. A cara do Rio de Janeiro. O Batuque é um privilégio sim, e fez com que a música brasileira tenha o viés de hoje. Esse verso traduz muito sobre a importância de suas letras para o samba. Essa influência ancestral misturada à melodia e a poesia de seus versos, isso faz total diferença na construção da sua identidade;, comenta a artista, em material de divulgação.

No show que será exibido nesta segunda, Teresa passeia por sucessos de Noel Rosa, como: Com que roupa, Feitio de oração e Gago apaixonado. ;Nesse repertório escolhi músicas que têm a ver comigo, com as quais me identifico. Me chamou atenção: o Rio de Janeiro, os cabarés, a malandragem, a mulher, a relação homem x mulher, a maneira como ele via as coisas. O Brasil apontado em suas músicas detalha as situações sociais e políticas de uma época, ainda muito real, mas que fez diferença e deu a cara do que é o samba hoje;, complementa a cantora.

O primeiro trabalho apresentado da trilogia foi em homenagem ao cantor, compositor e violinista Cartola. A turnê Teresa canta Cartola percorreu pelo Brasil e países da América Latina, América do Norte, Europa e Ásia, com mais de 50 apresentações. O álbum foi indicado ao prêmio da Música Brasileira 2017, na categoria de Melhor Cantora de Samba.

Em 2020, Teresa se destacou no universo das lives. O perfil da cantora, de acordo com a assessoria, aumentou em 300% o número de seguidores no Instagram. Nas transmissões, a artista canta, conta histórias, faz homenagens à artistas diversos e recebe nomes de peso para dividir os vocais com ela. Já passaram por lá Caetano Veloso, Marisa Monte, Simone, Paulinho da Viola e Gilberto Gil.

Tags

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação