Diversão e Arte

Horóscopo do dia: confira o que os astros revelam para esta terça (21/7)

Veja o horóscopo por Oscar Quiroga para desvendar esta terça-feira, 21 de julho, de acordo com cada signo

Oscar Quiroga
postado em 21/07/2020 06:00

Horóscopo desta terça-feira, 21 de julho

Ego meu, ego teu

Data estelar: Lua começa a crescer em Leão

Evita demonizar teu Ego, porque não é teu inimigo, inclusive porque a atitude que tomas o demonizando e culpando pela tua dificuldade de te integrar ao Universo e participar de sua glória, não é ninguém mais que o próprio Ego teu que a toma. Sem teu Ego não estarias aqui lendo estas linhas nem tampouco compreendendo nada, mas como resultado de interpretações distorcidas de filosofias orientais tu imaginas que sem o Ego teu caminho seria direto ao céu. Não seria, porque se Ego não tivesses, tu funcionarias como alguém a quem lhe retiraram os lobos frontais, exercendo muitas capacidades, porém, não conseguindo pensar por si só nem tomando decisões executivas sobre a construção da experiência de vida. Fazer amizade com o Ego não é te converteres em egoísta, mas fazer uso de um importante instrumento.

ÁRIES (nascimento entre 21/3 a 20/4)

É evidente que os novos empreendimentos brindam com mais energia do que a preservação do bom funcionamento do que já foi iniciado anteriormente. Aceite o novo, mas sem perder de vista a administração de tudo o mais.

TOURO (nascimento entre 21/4 a 20/5)

Melhor não perder tempo nem se desgastar com pessoas ou ambientes que não sejam familiares a você. Este é um momento em que sua alma busca amparo e suporte, mesmo que seja de uma forma velada. Bem-estar é prioridade.

GÊMEOS (nascimento entre 21/5 a 20/6)

Faça amizade com tudo que você repete cotidianamente, porque esse é o real ponto de apoio que você sempre terá à disposição para quaisquer outros voos maiores que pretenda empreender. Atenção e foco na rotina.

CÂNCER (nascimento entre 21/6 a 21/7)

A ansiedade insidiosa tenta fazer você sentir insegurança, mas essa não seria pertinente neste momento, porque atrapalharia as manobras inteligentes e seguras que você poderia fazer agora para assegurar seus interesses.

LEÃO (nascimento entre 22/7 a 22/8)

Fazer muito será preferível a fazer pouco, esperando acertar no alvo. Fazer muito pode bagunçar um pouco o cenário, mas isso será preferível a ver o tempo passar sem nada de concreto acontecer. Isso não.

VIRGEM (nascimento entre 23/8 a 22/9)

A pressão é grande, mas não insuportável, ela há de servir para você limpar sua vida interior de pensamentos indesejáveis, que são aqueles que, em vez de ajudar, ficam vendo problema em tudo que acontece. Isso não.

LIBRA (nascimento entre 23/9 a 22/10)

Faça um planejamento detalhado das prioridades e das pessoas envolvidas para dar conta delas. Mesmo que você não consiga se ater completamente a esse planejamento, pelo menos terá servido de diretriz organizacional.

ESCORPIÃO (nascimento entre 23/9 a 21/11)

Objetive a imaginação, porque adotando essa atitude você verificará com mais facilidade se o que você pensa pode, ou não, ser resolvido. Visões e fantasias costumam se confundir na vida interior. Na prática não.

SAGITÁRIO (nascimento entre 22/11 a 21/12)

Tudo está em marcha, mesmo que pareça andar tão devagar que sua alma considere tudo parado. A dinâmica deste movimento não poderia ser rápida, porque a situação é complexa, feita de ingredientes muito diversos.

CAPRICÓRNIO (nascimento entre 22/12 a 20/1)

Essas situações que incomodam e que você evita são justamente as que, domadas à unha, resultariam em seu fortalecimento. Tenha em mente que, neste momento, só há uma opção, enfrentar seus demônios.

AQUÁRIO (nascimento entre 21/1 a 19/2)

Falar, as pessoas falam, mas ouvir, aí a coisa é mais complexa e rara. Neste momento, você tem coisas a dizer, mas as pessoas falam tanto que, no fim, acaba o tempo e você não expressa tudo que precisava. E agora?

PEIXES (nascimento entre 20/2 a 20/3)

O momento encerra inúmeras potencialidades, mas é aí mesmo que mora o perigo, porque sem escolher bem alguma dentre essas tantas, há o risco de ficar tudo na potencialidade mesmo, uma promessa que não se concretiza.

Tags

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação