Diversão e Arte

Corte de cenas gays em programa da MTV pode ser investigado pela Justiça

A Promotoria de Justiça de Sumaré recebeu denúncia sobre possível censura de cenas de sexo homossexual no reality show 'De férias com o ex Brasil'

Correio Braziliense
Correio Braziliense
postado em 21/07/2020 18:55
Essa foi a primeira temporada que o programa teve participantes assumidamente gays
A MTV pode ter que responder judicialmente pela edição de cenas de sexo envolvendo os participantes assumidamente homossexuais da sexta temporada do reality show De férias com o ex Brasil, exibido às quintas-feiras no canal.

A Promotoria de Justiça de Sumaré recebeu uma denúncia do ativista Gustavo Don, fundador da Parada LGBT de Mogi das Cruzes (SP), de que o canal teria censurado imagens de intimidade dos participantes gays. O caso deve seguir para o Ministério Público de São Paulo. A informação foi divulgada pelo site Uol.

Os cortes têm sido comentados pelo público nas redes sociais desde o avanço do programa, já que as cenas de sexo entre os homens até agora não foram exibidas na atração, enquanto as relações entre participantes héteros ganham espaço no reality show.

Procurada pelo Correio, a assessoria de imprensa da MTV disse que a emissora, por enquanto, não vai se pronunciar sobre o caso.

Tags

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação