Diversão e Arte

Galeria Referência recebe Zuleika de Souza e Clauder Diniz em bate-papo

Conversa com a fotógrafa e o curador sobre o tema 'Fotografia: documento e ficção' faz parte do projeto Conversa | online, que vai ao ar às quartas-feiras pelo Instagram

Correio Braziliense
Correio Braziliense
postado em 29/07/2020 16:58
Zuleika Souza
A Referência Galeria de Arte receberá, nesta quarta-feira (29/7), pelo Instagram, a partir das 18h, a fotógrafa Zuleika de Souza e o curador Clauder Diniz para um bate-papo com o tema Fotografia: documento e ficção.

A conversa faz parte da série Conversa | online, que tem ido ao ar às quartas-feiras, e faz parte de um conjunto de ações virtuais da galeria realizadas desde o início da pandemia. A programação completa está no site.

Nesta edição, o programa terá como pauta o registro do cotidiano, o espaço de criação para narrativas ficcionais a partir de imagens captadas, novos projetos e outros assuntos da hora. O público poderá interagir e fazer perguntas para os convidados no final.

Sobre os convidados


Clauder Diniz é curador independente, graduado em teoria, crítica e história da arte pela Universidade de Brasília e em jornalismo pela Universidade Federal de Juiz de Fora (MG). Atualmente é produtor executivo e curador do Centro Cultural da Câmara dos Deputados, onde trabalha desde 1998. Realiza curadorias e produções de exposições de arte contemporânea desde 2013.

Zuleika de Souza é fotojornalista com passagens por importantes veículos nacionais como o Correio Braziliense, as revistas Veja, IstoÉ, Senhor, Manchete, Vogue, e Casa Cláudia. Participou de publicações como Processo constituinte e 100 fotógrafos fotografam o Brasil nos 500 anos. Realizou a primeira exposição individual no CCBB Brasília com a mostra Chão de flores, onde abordou a arquitetura vernacular de uma Brasília pouco conhecida. Em 2016, apresentou a mostra Entrequadras, na Galeria Alfinete, e, em 2018, W3-divergentes Brasílias, no Espaço Cultural Renato Russo.

Para a Ocupação da Referência Galeria na Galeria Casa, Zuleika apresenta uma série de fotografias-objetos que abordam a fragilidade das memórias, assim como os bibelôs. Em 2020 realizou a exposição Jardinagens do devaneio no cobogó.

Tags

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação