Publicidade

Correio Braziliense

Bradesco defende leilão para Nossa Caixa

 


postado em 23/05/2008 08:33 / atualizado em 23/05/2008 08:50

O presidente do Conselho de Administração do Bradesco, Lázaro Brandão, defende que o banco estadual paulista Nossa Caixa seja vendido por meio de leilão para que não seja eliminado o direito de concorrência. "O leilão traz as coisas às claras como o preço correto, que seria formado a partir da concorrência entre os interessados", disse Brandão nesta sexta-feira (23/05), ao comentar a notícia de que o Banco do Brasil está negociando a incorporação da Nossa Caixa. "As regras de mercado devem prevalecer com a realização de uma licitação pública, que seria mais legítimo. Sem dúvida interessa ao Bradesco participar do processo, isso é inegável", afirma Brandão. Para ele, "o Banco do Brasil é o candidato forte, mas não se pode eliminar o direito de concorrência".

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade