Economia

TCU acompanhará "cada passo" da fusão entre Oi e Brasil Telecom

;

postado em 30/07/2008 20:23
Por decisão unânime dos ministros do Tribunal de Contas da União (TCU), a Secretaria de Fiscalização e Desestatização (Sefid), do órgão, acompanhará "cada passo" do processo de fusão das empresas Oi e Brasil Telecom. A medida aprovada foi proposta pelo ministro Raimundo Carreiro, ex-integrante do conselho consultivo da Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel) A decisão do TCU autoriza a Sefid a realizar diligências e requisitar documentos de quaisquer órgãos da administração pública envolvidos no processo de fusão, sobretudo da Secretaria de Acompanhamento Econômico (Seae), do Ministério da Fazenda, e do Conselho Administrativo de Defesa Econômica (Cade), do Ministério da Justiça. A Sefid poderá ainda requisitar informações das empresas que serão atingidas pela fusão Em comunicado, o ministro Carreiro afirma que "questionamentos têm sido feitos quanto à possível concentração excessiva no mercado de telecomunicações". E que a fusão resultará em uma nova empresa, com mais de 52 milhões de clientes da telefonia fixa e móvel e com uma receita prevista - segundos dados do setor de telecomunicações - superior a R$ 100 bilhões anuais

Tags

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação