Economia

Justiça condena doleiros envolvidos no caso Banestado

;

postado em 15/12/2008 17:09
Por decisão da 2ª Vara Criminal Federal de Curitiba, Olga Youssef, conhecida como Flora Youssef, foi condenada a cinco anos de reclusão em regime semi-aberto. Segundo a decisão, Olga ajudou seu irmão, Alberto Youssef, a movimentar cerca de US$ 830 milhões em contas mantidas na agência do Banestado em Nova York. As contas, segundo a denúncia, eram utilizadas para realização de transferências internacionais no mercado negro de câmbio brasileiro. A 2¦ Vara Criminal também condenou Rubens Catenacci a nove anos e oito meses de reclusão, em regime fechado. Segundo a decisão, Catenacci era o verdadeiro proprietário e controlador da empresa Câmbios Imperial SRL, com sede no Paraguai. Segundo a denúncia, Catenacci teria usado sua empresa e outras casas de câmbio no Brasil para enviar ao exterior cerca de R$ 587 milhões de forma fraudulenta. A reportagem não localizou os doleiros nesta segunda-feira para comentar as decisões.

Tags

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação