Publicidade

Correio Braziliense

Lucro da HP cai 13% no trimestre com efeitos da crise

 


postado em 19/02/2009 08:46 / atualizado em 19/02/2009 09:40

A Hewlett-Parckard (HP), a maior fabricante de computadores pessoais do mundo, informou nesta quarta-feira (18/02) que, em seu primeiro trimestre fiscal (período de novembro do ano passado a janeiro deste ano), seu lucro líquido caiu 13% em relação ao mesmo período um ano antes, para US$ 1,854 bilhão. Segundo a empresa, todas as suas áreas de negócio foram afetadas pela atual crise, até mesmo a de impressoras, que, como a de computadores pessoais e notebooks, viu sua receita anualizada despencar 10%. A HP informou que o número de PCs vendidos na comparação entre os dois períodos caiu 25%, enquanto a comercialização de notebooks e impressoras recuou 13% e 33%, respectivamente. Ainda assim, o faturamento anualizado da empresa no trimestre cresceu 1%, para US$ 22,8 bilhões, puxado, em boa parte, pelos serviços prestados. Apesar de o balanço ter decepcionado os analistas, o executivo-chefe da HP, Mark Hurd, se mostrou confiante na capacidade da empresa de superar a atual conjuntura econômica. Hurd disse que a força da marca no setor, a disciplina na gestão dos custos e a diversidade de produtos permitiu à HP avançar em mercados estratégicos.

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade