Publicidade

Correio Braziliense

Procon fiscaliza ovos de Páscoa em lojas do DF

 


postado em 02/04/2009 13:16 / atualizado em 02/04/2009 14:11

O Procon-DF começou nesta quinta-feira (2/4) a Operação de Páscoa. O objetivo é verificar a qualidade dos produtos, conferindo tabelas de preços, data de validade, a composição e produtos danificados. Diversos estabelecimentos comerciais vão ser fiscalizados no Plano Piloto e em outras cidades do DF. Nesta manhã, os fiscais do Procon foram a supermercados da Asa norte e de Taguatinga. "Devido ao grande número de reclamações dos consumidores, até nos surpreendemos de não ter encontrado nenhum problema", disse Luiz Cláudio da Costa, fiscal do órgão. Na Asa Norte também não houve problema em nenhum dos estabelecimentos fiscalizados. Pela tarde os trabalhos vão continuar com a operação em Taguatinga e Ceilândia. A fiscalização intensiva sobre esses produtos de páscoa permanece até a semana que vem. E o Instituto Nacional de Metrologia, Normalização e Qualidade Industrial (Inmetro) também realizou fiscalização de ovos de páscoa em um supermercado da Asa Norte nesta manhã. Os fiscais pesaram amostras de várias marcas, mas nenhum problema foi constatado em relação ao peso dos produtos. O selo dos ovos deve vir com a identificação do próprio Inmetro e informações relativas a quantos gramas possui. De acordo com o coordenador de fiscalização do Inmetro, Jorge Hessen, os produtos de páscoa têm registrado poucas falhas este ano. "Se encontrarmos irregularidades, podemos recolher o produto e multas que variam de R$ 500 a R$ 1,5 milhão de reais, mas o comum são penalidades que vão de R$ 800 a R$ 6 mil reais", disse Hessen.

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade