Publicidade

Correio Braziliense

Demitidos da Eletropaulo serão substituídos na segunda

 


postado em 03/04/2009 21:16 / atualizado em 03/04/2009 21:31

Os funcionários da AES Eletropaulo demitidos hoje serão substituídos a partir de segunda-feira, informou o diretor de Operação da companhia, Roberto Di Nardo. Segundo a empresa, foram dispensadas 47 pessoas, seguindo critérios de desempenho. "Não haverá redução de quadro", disse Di Nardo. Os novos funcionários já passaram por processo seletivo. O diretor diz que a reposição de pessoal é rotineira e que, por mês, ocorre a troca de 30 funcionários em média. Segundo ele, a empresa abriu 142 postos de trabalho este ano. A AES Eletropaulo emprega hoje 4,2 mil pessoas. De acordo com Di Nardo, foram dispensados trabalhadores das áreas operacional, corporativa, de atendimento ao cliente e de suporte. Ele confirma que há uma concentração de demissões entre eletricistas de rede - maioria entre os trabalhadores da empresa -, conforme informou o Sindicato dos Eletricitários de São Paulo (Stieesp). Os eletricitários estão em estado de greve e preparam protesto contra as demissões para segunda-feira. A concentração ocorrerá no início da manhã na sede do sindicato, no centro da capital paulista. De acordo com o secretário-geral do Stieesp, Eduardo Annunciato, na quarta-feira a categoria deve se reunir em assembleia e decidir se entra em greve.

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade