Publicidade

Correio Braziliense

Conferência de Economia Solidária termina amanhã com proposta de criação de mais um ministério


postado em 17/06/2010 20:32

Brasília - A 2ª Conferência Nacional de Economia Solidária (Conaes) termina nesta sexta-feira (18/6) debatendo a proposta de criação de mais um ministério, o Ministério da Economia Solidária. Os 1,6 mil delegados passaram o dia desta quinta-feira (17/6) discutindo o documento base da conferência, que será levado a plenário amanhã.

De acordo com Vinícius Xavier, representante da Financiadora de Estudos e Projetos do Ministério da Ciência e Tecnologia (Finep), a proposta de criação do ministério foi o principal tema em debate. “O ponto de maior destaque foi quem seria o órgão gestor da economia solidária no país”, disse.

Para a delegada que representa a Divisão de Apoio à Agricultura Familiar e Solidária de Barbacena (MG), Conceição Maria de Souza, a maioria dos representantes dos movimentos de economia solidária quer a criação do ministério. “Os movimentos acham que uma secretaria é insuficiente para cuidar dessa questão”.

Atualmente, a economia solidária é gerida pela Secretaria Nacional de Economia Solidária, ligada ao Ministério do Trabalho e Emprego (MTE).

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade