Publicidade

Correio Braziliense

Marinha é questionada ao barrar HIV


postado em 13/08/2010 23:42



O Ministério Público Federal no Distrito Federal (MPF/DF) voltou à carga contra a decisão das Forças Armadas de barrarem, em concursos públicos, candidatos portadores do vírus da Aids e de outras doenças infectocontagiosas. Desta vez, ajuizou ação pedindo à Justiça que proíba a Marinha de eliminar os concorrentes diagnosticados com o HIV.

Antes, o órgão já havia questionado medida semelhante adotadas pela Aeronáutica e pelo Exército. Os editais dos concursos para ingresso nas corporações preveem a submissão dos candidatos à inspeção de saúde para comprovação da aptidão ao cargo pretendido, mas os servidores da ativa portadores do vírus são considerados aptos ao trabalho.

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade