Publicidade

Correio Braziliense

Inadimplência no comércio cresceu entre setembro e outubro, diz SPC


postado em 10/11/2010 21:42

Brasília - A Confederação Nacional dos Dirigentes Lojistas (CNDL) e o Serviço de Proteção ao Crédito (SPC) informaram hoje que a inadimplência em outubro aumentou 1,24% em relação a setembro. Na comparação com outubro do ano passado, porém, houve redução de 7,54%.

Segundo a CNDL, o aumento da inadimplência deve-se ao fato de grande parte dos empresários registrarem, no período, débitos no banco de dados do SPC. A expectativa dos lojistas é que os devedores inscritos na lista do SPC “honrem os compromissos para voltar a consumir”, já que o Natal está chegando e há injeção de recursos na economia via expansão de crédito, restituição do imposto de renda e pagamento de parte do décimo terceiro salário.

Os números mostram ainda que o número de consultas para compras a prazo e pagamentos com cheque subiu 8,93% na comparação com outubro do ano passado e caiu 0,11% na comparação com setembro deste ano. No acumulado de janeiro a outubro o número de consultas apresentou alta de 8,27% em comparação com os dez primeiros meses de 2009.

No mês passado, de acordo com o levantamento, 53,77% dos devedores inscritos no SPC eram mulheres e 46,23%, homens. Por faixa etária, os maiores devedores têm entre 30 e 39 anos. Os que menos dão calote são os consumidores com mais de 65 anos: representam apenas 7,29% dos inadimplentes.

  • Tags
  • #
Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade