Publicidade

Estado de Minas

Ministério do Planejamento retoma negociação com servidores em greve


postado em 20/08/2012 11:57 / atualizado em 20/08/2012 13:54

O secretário de Relações do Trabalho do Ministério do Planejamento, Sérgio Mendonça, retomou nesta segunda-feira (20/8) as negociações com servidores públicos em greve. Ele já conversou com representantes dos funcionários da área de ciência e tecnologia, reunidos na Confederação dos Trabalhadores do Serviço Público Federal (Condsef). Segundo o presidente da entidade, Josemilton Costa não houve mudanças na proposta apresentada pelo governo e reiterou que irá entrar com ação a Justiça contra o corte de ponto de servidores.

Em seguida, foram recebidos os empregados no Instituto Nacional de Metrologia, Qualidade e Tecnologia (Inmetro) e do Instituto Nacional de Propriedade Industrial (Inpi). O presidente do Sindicato Nacional dos Servidores de Metrologia Normalização e Qualidade (Asmetro-SN), Sérgio Ballerini, explicou que o governo deve rever os benefícios dados à categoria. Segundo ele, o reajuste de 300% no plano de saúde poderia ser reduzido e o valor incorporado ao salário. Com a proposta do governo em mãos, ele disse que uma nova reunião será realizada com os trabalhadores a fim de decidir quais serão os próximos passos da greve.

Leia mais notícias em Economia

Para a tarde está agendado ainda um encontro com servidores do Ministério do Desenvolvimento Agrário (MDA) e Instituto Nacional de Colonização e Reforma Agrária (Incra). Estão previstas também negociações com grevistas à noite. Às 20h, encontrará dirigentes da Condsef, representando 18 categorias do Plano Geral de Cargos do Poder Executivo e carreiras da previdência, saúde e trabalho. Até o momento, o governo fez à maior parte das categorias a mesma proposta: reajuste de 15,8% a ser aplicado em três anos.

Com informações de Vera Batista e Agência Brasil

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade