Publicidade

Estado de Minas

Câmara de Comércio Exterior reduz imposto para bens de capitais importados

A medida foi adotada para estimular o investimento produtivo


postado em 10/04/2014 14:12

O Diário Oficial da União publicou nesta quinta-feira (10/4) resolução da Câmara de Comércio Exterior (Camex) reduzindo de 14% para 2% o Imposto de Importação de um grupo de bens de capital “sem produção nacional equivalente”. Bens de capitais são equipamentos, instalações ou serviços necessários para a produção de outros bens ou serviços.

A medida foi adotada para estimular o investimento produtivo: a redução do custo na aquisição de máquinas e equipamentos incentiva empresários a elevar investimentos. Em consequência, os preços poderão ser reduzidos, com implicações positivas no combate à inflação.

Leia mais notícias em Economia

Serão atendidos com a medida projetos relativos à compra de equipamentos para a produção de cimento, de produtos metalúrgicos e de mineração e de máquinas para a moagem de milho. Ao todo há 95 itens incluídos na redução do imposto, englobando 84 renovações de pedidos atendidos anteriormente e 11 novas solicitações encaminhadas por grupos empresariais. A nova alíquota vale até o dia 31 de dezembro deste ano.

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade