Publicidade

Estado de Minas

Para Dilma, países do Brics vivem momento especial em Fortaleza

A presidente também disse que está otimista com a criação do Novo Banco de Desenvolvimento do bloco e do Acordo Contingente de Reservas


postado em 15/07/2014 14:08

Vladimir Putin, Narendra Modi, Dilma Rousseff, Xi Jinping e Jacob Zuma, em foto oficial na 6ª Cúpula dos Brics(foto: Marcelo Camargo/Agência Brasil)
Vladimir Putin, Narendra Modi, Dilma Rousseff, Xi Jinping e Jacob Zuma, em foto oficial na 6ª Cúpula dos Brics (foto: Marcelo Camargo/Agência Brasil)

Ao sair de reunião com os presidentes da Rússia, Vladimir Putin; da China, Xi Jinping; da África do Sul, Jacob Zuma, além do primeiro-ministro da Índia, Narenda Modi, na manhã desta terça-feira (15/7), a presidente Dilma Rousseff escreveu, em seu perfil no Twitter, que o Brics (bloco formado pelos quatro países e o Brasil) vive um momento especial. Segundo a presidente, isso ocorre em função do fortalecimento de duas iniciativas que estão sendo debatidas durante encontro em Fortaleza.

Leia mais notícias em Economia

"A primeira é a criação do Novo Banco de Desenvolvimento, instituição voltada ao financiamento de projetos de infraestrutura. A segunda é uma linha de contingenciamento de reservas, um seguro do #Brics contra a instabilidade do mercado financeiro internacional”, tuitou a presidente. Os chefes de Estado já participaram da primeira reunião privada de trabalho da cúpula, e posaram para foto oficial. Dilma postou no Twitter uma foto do encontro. Neste momento, os líderes participam de almoço oferecido pela presidente Dilma.

Mais cedo, Dilma disse que está otimista com a criação do Novo Banco de Desenvolvimento do bloco e do Acordo Contingente de Reservas.

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade