Publicidade

Correio Braziliense

Governo eleva imposto sobre remessas ao exterior

Alíquota do IOF para transferências de contas de mesma titularidade para outro país sobe de 0,38% para 1,10% a partir desta sexta-feira


postado em 01/03/2018 21:41

(foto: Fernando Lopes/CB/D.A Press)
(foto: Fernando Lopes/CB/D.A Press)

O governo vai cobrar mais tributo sobre as remessas de recursos entre contas bancárias do Brasil para o exterior de mesma titularidade, tanto pessoas físicas quanto jurídicas, com as compras de moeda estrangeira em espécie.

O Imposto sobre Operação Financeira (IOF) nesse tipo de transação passará de 0,38% para 1,1%, conforme decreto assinado pelo presidente Michel Temer nesta quinta-feira (01/03) e que entrará em vigor a partir de amanhã. A medida equipara a cobrança com taxas das compras de moeda estrangeira em espécie. “De acordo com estimativas da Receita Federal, a equiparação deve gerar R$ 101 milhões em 2018”, informou o Ministério da Fazenda, em nota, sem detalhar o motivo da medida.

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade