Publicidade

Correio Braziliense

Com greve dos caminhoneiros, prévia do PIB tomba 3,34% em maio, diz BC

Segundo o Banco Central, esse é o menor patamar desde dezembro de 2016


postado em 16/07/2018 10:30 / atualizado em 16/07/2018 10:49

(foto: Credito Segup/PA/Divulgacao)
(foto: Credito Segup/PA/Divulgacao)
O Índice de Atividade Econômica do Banco Central (IBC-Br) mostrou que a economia despencou 3,34% em maio, reflexos da greve dos caminhoneiros, que paralisou vários serviços durante 11 dias. O indicador é considerado a prévia do Produto Interno Bruto (PIB). 

Os dados foram divulgados na manhã desta segunda-feira (16/7) pelo Banco Central. O índice havia subido 0,5% em abril (dado já revisado pela autoridade monetária). Em maio, o índice de atividade passou de 138,01 para 133,4 pontos.

Segundo o BC, esse é o menor patamar desde dezembro de 2016, quando registrou 132,87 pontos. Na comparação com o mesmo mês de 2017, houve uma retração de 2,9%. No acumulado do ano, a alta foi de 0,73%. A alta é de 1,13% no acumulado de 12 meses. 

O Banco Central espera que o crescimento econômica seja de 1,6% no ano, o mesmo índice que o ministro da Fazenda, Eduardo Guardia, antecipou que revisaria. Os economistas ouvidos pelo Boletim Focus, do BC, estimam um avanço de 1,5% na atividade.

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade