Publicidade

Correio Braziliense

Governo quer manter recursos para Bolsa Família no PLOA 2019, diz Planejamento

Segundo ministro, Temer deve fazer uma modificação no projeto por meio de uma 'mensagem modificativa'


postado em 05/09/2018 15:50 / atualizado em 05/09/2018 15:50

(foto: Cícero/CB/D.A Press)
(foto: Cícero/CB/D.A Press)

O presidente Michel Temer pediu que o Projeto de Lei Orçamentária (PLOA) 2019 fosse revisto pela equipe para manter recurso na íntegra ao programa Bolsa Família, afirmou nesta quarta-feira (5/9), o ministro do Planejamento, Esteves Colnago. "O presidente pediu pra gente avaliar a necessidade de substituir o Bolsa Família por outro tipo de despesa e estamos avaliando quais seriam essas possibilidades. Devemos levar ao presidente uma proposta", disse o chefe da pasta em visita ao Senado para entrega do PLOA ao presidente da Casa, Eunício Oliveira (MDB-CE), nesta quarta-feira. Segundo Colnago, havendo uma decisão sobre o tema, Temer deve fazer uma modificação no projeto, por meio de "uma mensagem modificativa".

No entanto, devido à regra de ouro, é necessário condicionar as despesas a R$ 258 bilhões, segundo o ministro, e, por isso, será necessário mexer no orçamento. "Dado o espaço que nós temos, há uma grande chance de cairmos em folha de pagamento, mas estamos ainda vendo", afirmou Colnago sobre o que deve ser substituído no projeto para contemplar o projeto social.

O Ministério do Desenvolvimento Social também confirmou que o presidente Michel Temer determinou a recomposição integral do Orçamento do Bolsa Família para 2019, no valor total de R$ 30 bilhões, sem a necessidade de aprovação pelo Congresso Nacional no próximo governo.

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade