Publicidade

Correio Braziliense

Rombo nas contas públicas será de R$ 141 bi em 2018, avaliam economistas

A equipe econômica espera terminar o ano com prejuízos de até R$ 159 bilhões, que é a meta prevista


postado em 13/09/2018 10:25

De acordo com o Prisma Fiscal — relatório com projeção de economistas para as contas públicas —, o governo federal deverá cumprir a meta fiscal com facilidade. A expectativa dos analistas para o resultado primário melhorou em mais de R$ 8 bilhões. Saindo de um deficit de R$ 148,1 bilhões para um rombo de R$ 141 bilhões. Os dados foram divulgados na manhã desta quinta-feira (13/9) pelo Ministério da Fazenda. 

A equipe econômica espera terminar o ano com prejuízos de até R$ 159 bilhões, que é a meta prevista. Os economistas esperam que as despesas totais do governo caiam de R$ 1,367 trilhão para R$ 1,364 trilhão. A receita, por sua vez, passe de R$ 1,22 trilhão para R$ 1,224 trilhão. Por fim, a projeção é de que a arrecadação suba de R$ 1,45 trilhão para R$ 1,453. Os analistas ainda trabalham que a dívida bruta fique em 76,1% do Produto Interno Bruto (PIB).

Para 2019, o governo federal espera um deficit de até R$ 139 bilhões. O mercado prevê algo em torno de R$ 123 bilhões. A dívida bruta prevista fica em torno de 78% do PIB. 

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade