Publicidade

Correio Braziliense

Previsão da relação déficit primário/PIB em 2019 permanece em 1,40% no Focus

Para 2020, o déficit primário estimado passou de 0,78% para 0,75%, ante 0,80% de um mês antes.


postado em 07/01/2019 11:27 / atualizado em 07/01/2019 11:51

O Relatório de Mercado Focus trouxe nesta segunda-feira, 7, poucas mudanças nas projeções para o resultado fiscal do governo. A relação entre o déficit primário e o Produto Interno Bruto (PIB) este ano foi de 1,80% para 1,79% em 2018. No caso de 2019, permaneceu em 1,40%. Há um mês, os porcentuais estavam em 1,80% e 1,45%, respectivamente. Para 2020, o déficit primário estimado passou de 0,78% para 0,75%, ante 0,80% de um mês antes.

Já a relação entre déficit nominal e PIB em 2018 seguiu em 7,00%, conforme as projeções dos economistas do mercado financeiro. Para 2019, permaneceu em 6,50%. Há quatro semanas, estas relações estavam em 7,05% e 6,50%, nesta ordem. No caso de 2020, o déficit nominal estimado seguiu em 6,00%, ante 6,05% de um mês antes.

O resultado primário reflete o saldo entre receitas e despesas do governo, antes do pagamento dos juros da dívida pública. Já o resultado nominal reflete o saldo já após as despesas com juros.

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade