Publicidade

Correio Braziliense

Anac anuncia suspensão de todos os voos da Avianca no Brasil

De acordo com o órgão, com a medida, estão suspensos todos os voos até que a empresa comprove capacidade para manter as operações com segurança


postado em 24/05/2019 13:22 / atualizado em 24/05/2019 18:03

(foto: Fabio Rodrigues Pozzebom/Agência Brasil)
(foto: Fabio Rodrigues Pozzebom/Agência Brasil)
A Agência Nacional de Aviação Civil (Anac) anunciou, nesta sexta-feira (24/5), que suspendeu cautelarmente todas as operações da Avianca Brasil. De acordo com o órgão, com a medida, estão suspensos todos os voos até que a empresa comprove capacidade de manter as operações com segurança. 

Ainda de acordo com o órgão, a decisão foi tomada com base em informações prestadas à área responsável por segurança operacional da Agência. “Aos passageiros com voos para os próximos dias, a Anac recomenda que entrem em contato com a empresa e não se desloquem para o aeroporto até que novas informações sejam divulgadas”, diz em nota.

Em nota, a Avianca Avianca Brasil informou que partiu dela a iniciativa de suspender temporariamente suas operações. Ainda de acordo com a empresa, a Anac foi oficialmente comunicada nesta sexta-feira. A decisão, segundo a companhia, tem como propósito preservar os padrões de segurança e eficiência que sempre foram prioridades em sua operação. 

"A empresa reitera ainda que está totalmente focada em dar continuidade ao seu Plano de Recuperação Judicial. A Avianca Brasil esclarece que continuará cumprindo a Resolução 400 da Anac para atender aos passageiros que tiveram seus voos cancelados e reforça que atua na busca de soluções para restabelecer a sua operação", conclui. 

Greve 

Os funcionários da Avianca decidiram retomar greve, por tempo indeterminado, após assembléia, nessa quinta-feira (23/5), em São Paulo. A paralisação começou nesta sexta-feira (24/5), e atinge os aeroportos de Congonhas, em São Paulo, e Santos Dumont, no Rio de Janeiro. 

O Sindicato Nacional dos Aeronautas afirma que cerca de 40% dos voos já seriam suspensos, cumprindo a determinação do Tribunal Superior do Trabalho (TST) de operar no mínimo 60% das rotas. Na semana passada, a Avianca anunciou a demissão de 900 funcionários. A estimativa é que hoje a empresa conte com cerca 700 comissários e pilotos.

Recuperação judicial

Em recuperação judicial, a Avianca deve cerca de R$ 2,7 bilhões às arrendadoras de aviões e, depois de uma disputa na Justiça, se viu obrigada a devolver quase toda sua frota. 

Das 57 aeronaves que tinha em novembro do ano passado, sobraram cinco. Segundo dados da Anac, a companhia tem hoje uma média de 39 voos diários. Há um ano, eram 280.

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade