Publicidade

Correio Braziliense

Deputado Alexis Fonteyne defende reforma para simplificação tributária

"Não vai aumentar impostos e nem baixar, pois o Estado, hoje, não permite. Mas é muito importante", destacou


postado em 21/08/2019 12:48 / atualizado em 21/08/2019 13:21

(foto: Marcelo Ferreira/CB/D.A Press)
(foto: Marcelo Ferreira/CB/D.A Press)
Convidado para o segundo painel do Correio Debate, que tratou da simplificação tributária como caminho para reduzir a sonegação, o deputado Alexis Fonteyne falou sobre a necessidade de identificar com clareza quem são os sonegadores de impostos contumazes do país. Segundo o parlamentar, existe uma serie de empresários que falham no pagamento de impostos pela complexidade tributária do Brasil.

"Precisamos de poucas alíquotas. Planas. Como na Europa. O sistema tributário brasileiro tem distorções. É como se tivéssemos um sistema tributário para cada produto. A reforma tributária vai fazer essa simplificação. Não vai aumentar impostos e nem baixar, pois o Estado, hoje, não permite. Mas é muito importante", destacou. 

O parlamentar lembrou, ainda, que não se trata de desculpar sonegadores de impostos que atuam sistematicamente, fechando empresas e abrindo novas para repetir as ações criminosas, mas para que o empresário tenha segurança para agir, sem ficar preso a diferentes interpretações de regras tributárias do setor em que trabalha.

"Esses que abrem e fecham empresas deixando pra traz uma série de passivos, pra mim, tem que ser preso. Só que ainda não existe esse tipo de prisão no país. Mas, não podemos ter um sistema tributário que é gerador de conflitos. Que fique alimentando a Justiça com questões tributárias. As coisas tem que ser transparentes e claras", definiu.

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade