Publicidade

Correio Braziliense

Receita Federal tem o melhor mês de julho em arrecadação em oito anos

As receitas federais administradas chegaram a R$ 137,735 bilhões


postado em 22/08/2019 11:14 / atualizado em 22/08/2019 13:00

(foto: Reprodução)
(foto: Reprodução)
As receitas federais administradas pela Receita Federal (como impostos e contribuições) e por outros órgãos chegaram a R$ 137,735 bilhões, em julho, com aumento real de 2,95%, em relação a julho de 2018. Esse é o melhor mês de julho, em oito ano, após 2011, quando o total de recursos que entraram nos cofres públicos chegou a R$ R$ 141,801 bilhões.
 
De janeiro a julho de 2019, a arrecadação total foi de R$ 895,330 bilhões, com crescimento real de 1,97%, no confronto com o mesmo período do ano anterior.
 
O subsecretário de política fiscal da Secretaria de Política Econômica do Ministério da Economia, Marco Cavalcanti, disse que o mercado foi surpreendido pela arrecadação desse mês e que para o ano o mercado está mais otimista do que anteriormente em relação ao resultado primário das arrecadações anuais. “O resultado foi um pouco acima da mediana , o mercado pode estar recuperando um pouco mais a confiança e isso se reflete nos resultados”, disse o subsecretário.  

No ano, de acordo com os dados do Fisco, o que mais influenciou a arrecadação no nos seis primeiros meses do ano foram entradas extraordinárias no valor de aproximadamente, R$ 3,2 bilhões no IRPJ e CSLL. Além de depósitos judiciais e dos acréscimos legais do Pis/Cofins e dos parcelamentos especiais (PERT/PRT). No confronto com o mês de junho (R$ 119,946 bilhões), a alta na arrecadação foi de 14,61%, corrigida pela inflação. 
 
 

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade