Publicidade

Correio Braziliense

Rádio Clube FM se expande no país e aposta em interatividade

Emissora dos Diários Associados amplia rede para 15 cidades com transmissão em áudio e vídeo


postado em 19/11/2019 06:00 / atualizado em 19/11/2019 01:36

(foto: Arthur Menescal/Esp. CB/D.A Press)
(foto: Arthur Menescal/Esp. CB/D.A Press)
Líder de audiência no Distrito Federal, a Clube FM estreou em mais 15 cidades do país nesta segunda-feira (18/11). O projeto de expansão da transmissão pretende abranger todo o Brasil, formando uma nova rede de rádios com destaque também para transmissão simultânea via internet em áudio e vídeo. A nova rede estreou com número expressivo de rádios associadas. Outras negociam a filiação ou aguardam o término de contratos para se integrarem à rede. 


A Rádio Clube FM opera na frequência 105.5 MHz e pertence aos Diários Associados, o terceiro maior conglomerado de mídia do país. A emissora pretende contar com 25 parcerias até o fim do mês, como destaca o gerente Arthur Cardoso. “A Clube é uma rádio popular e há mais tempo na liderança em todas as capitais do Brasil. Sempre tivemos audiência em outras cidades com sinal transmitido também pela Sky TV e internet.  Em razão do sucesso, decidimos apostar neste novo modelo via satélite justamente para alavancar a audiência nacional”, diz.

O vice-presidente executivo do Correio, Guilherme Machado, elogia a iniciativa. “A expansão da Clube é o início da fase mais próspera da história da rádio. Com esse grande passo, a Clube mostra que não tem receio de se lançar em projetos ousados e inovadores”, afirma. 

A intensa movimentação tem auxiliado a Clube FM na audiência. A rádio manteve a liderança geral nos principais períodos da medição do Kantar Ibope Media, referente ao trimestre julho a setembro de 2019. “Acreditamos muito no potencial da rede por esse termômetro de audiência nacional. Essas vias já vêm de muitos anos. Iniciamos com o maior número de filiados e pretendemos expandir cada vez mais”, explica Arthur Cardoso.

A Clube FM está presente no estado de Rondônia em Ji-Paraná, Ariquemes, São Miguel do Guaporé, São Francisco do Guaporé, Colorado do Oeste. Em Minas Gerais, as filiais são em Buritis, Medeiros, e Fervedouro. Em São Paulo, estreou nas cidades de Santa Fé do Sul, Barretos, Pirassununga, Itapetininga. E no Rio Grande do Sul, atua em Erechim, Panambi, Lagoa dos Três Cantos, Ciríaco e Putinga. A expansão também movimenta a grade da rede, ampliando a oferta de projetos para os afiliados que estão em implantação.

O gerente da rádio acredita que o sucesso decorre da pluralidade da programação. “Para liderar é preciso falar com o máximo de pessoas. As pesquisas mostram essa abrangência positiva em todas as classes e faixas etárias. Esse continua sendo o nosso objetivo com essas filiações, que continue com o mesmo perfil de audiência em emissoras oficiais, que seja atraente para donas de casa, jovens, homens, todo tipo de público. Aqui somos esse case de sucesso. Nosso objetivo e desejo que isso se estenda para as filiadas também”, conta Cardoso. 

Os programas diários de entretenimento e jornalismo são a marca da emissora fundada em 1982. A rede inicia sua grade às 8h com o programa Clube do Fã. A atração é apresentada por Arthur, Luciana, Queijinho e Flanela, que segue até as 10h. Em seguida, das 12h às 15h, a grade conta com os programas Amor Sem Fim e Tarde Demais, com Gaby e o Happy Hour é apresentado por Rafinha das 18h às 20h.

A rede da Clube FM contará com geração de programação 24 horas caso o afiliado opte por operar 100% em conjunto com a rádio brasiliense. Porém, várias faixas locais serão destinadas, sendo obrigatório apenas a operação em rede entre 08h00 e 10h00, 12h00 e 15h00 e 18h00 e 20h00. A emissora de Brasília também divide suas atenções com uma programação de eventos e promoções no Distrito Federal. Os afiliados da Rede Clube FM terão à disposição toda a estrutura da emissora, assim como seus projetos e marcas.

“A emissora que tem desejo de se filiar a rede entra em contato, e nosso departamento apresenta o modelo de negócio com todos os parâmetros e a base para emissora se ajustar. Depois da análise de mercado, é feita a aferição dos reajustes e todo o treinamento, suporte promocional, artístico passa a atuar dentro de um mesmo padrão”, destaca o gerente Arthur Cardoso.

Além das filiações, a emissora estreou um novo site e aplicativo, que funcionam como portas de acesso para demais afiliadas. Pela plataforma digital, o internauta pode escolher a cidade que quer acessar, acompanhar a programação e participar de promoções. O app já funcionava em uma versão de teste. A versão final foi atualizada junto com a estreia nas demais cidades.

O diretor da filiada de Buritis (MG), Lucas Paloschi, acredita que a interatividade é um ponto importante para o sucesso do novo formato. “Essa agregação vai melhorar muito a qualidade da nossa programação, além de aproximar mais os ouvintes, porque a linguagem da Clube é mais amiga. Ofertaremos mais prêmios, consequentemente com o retorno em maior número de participações. A expectativa de faturamento também é grande com o maior número de ouvintes. Hoje já pudemos sentir uma aprovação, a repercussão da estreia foi muito boa, com muita interação dos ouvisntes”, comenta.

  



* Estagiária sob supervisão de Carlos Alexandre de Souza.

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade