Publicidade

Correio Braziliense

Correio promove debate sobre os desafios do crescimento econômico

Especialistas da iniciativa privada e autoridades do governo participarão do evento, que ocorre na próxima terça-feira (26/11)


postado em 21/11/2019 06:00 / atualizado em 21/11/2019 12:36

(foto: Maurenilson Freire/CB/D.A Press)
(foto: Maurenilson Freire/CB/D.A Press)
As perspectivas de crescimento econômico do país serão debatidas no seminário Correio Debate: Desafios para 2020 — o Brasil que nos aguarda. Especialistas da iniciativa privada e autoridades do governo participarão do evento, que ocorre na próxima terça-feira, no auditório do jornal. As inscrições são gratuitas e podem ser realizadas por meio do site www.correiobraziliense.com.br/correiodebate/desafios2020/. O presidente da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia; o do Banco Central, Roberto Campos Neto; e a economista e advogada Elena Landau são alguns dos convidados.

Em conversa com o Correio, Elena Landau disse que nada mudará do dia para a noite na economia brasileira. Para ela, é preciso ter cautela e foco quando se pensa em recuperação da atividade. “Nada se alavanca em um ano, as perspectivas têm de ser a longo prazo. Se você tiver expectativas para um período curto, acaba fazendo políticas pobres. Precisamos ter foco no aumento da produtividade da economia, com melhoria da educação, abertura comercial, privatizações e reformas administrativas. Isso exige paciência”, afirmou.

A economista destacou que a reforma da Previdência, recentemente promulgada, foi uma medida importante, mas não é a única que deve se levar em conta. “Eu acho que ela ajuda, mas pra a economia melhorar, o governo precisa se articular e comunicar melhor. Mas acredito que estamos andando no caminho certo, apesar de não ser o suficiente”, disse, ressaltando recentes propostas, como a reforma administrativa, que visa alterar as regras para servidores públicos, a ser enviada em breve ao Congresso pelo Executivo. Entre outros pontos, ela deve prever o fim da estabilidade irrestrita para os novos funcionários públicos. Caso seja aprovada, o governo espera economizar em 10 anos R$ 500 bilhões.

* Estagiário sob supervisão de Odail Figueiredo

Desafios para 2020 - o Brasil que nos aguarda
Programação


14h00 - Credenciamento e Welcome Coffee
  
14h40 - PAINEL 1: As ferramentas para o crescimento
Adolfo Sachsida - Secretário de Política Econômica do Ministério da Economia
Felipe Salto - Diretor-executivo da Instituição Fiscal Independente do Senado
Tony Volpon - Economista-chefe do UBS
Carlos Melles - Diretor Presidente do SEBRAE
 
15h30 - Participação especial
Rodrigo Maia - Presidente da Câmara dos Deputados
 
16h40 - Coffee Break
 
17h00 - PAINEL 2: Emprego, renda e infraestrutura
Elena Landau - Advogada e economista
Naercio Menezes - Professor do Insper
José Francisco de Lima Gonçalves - Economista-chefe do Banco Fator
Alex Fabiane - Prof. Dr. Titular da Faculdade Mackenzie - Brasília
 
18h30 - Encerramento
Roberto Campos Neto - Presidente do Banco Central

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade