Publicidade

Correio Braziliense

Ibovespa fecha com alta e renova máxima histórica

Na máxima até o momento, o índice chegou a 109.801,61 pontos


postado em 04/12/2019 15:17 / atualizado em 04/12/2019 15:18

O IBGE divulgou na terça-feira que a economia cresceu 0,6% entre julho e setembro (foto: Agência Brasil/Arquivo)
O IBGE divulgou na terça-feira que a economia cresceu 0,6% entre julho e setembro (foto: Agência Brasil/Arquivo)
Um dia depois do resultado do Produto Interno Bruto (PIB), que teve alta de 0,6%, o Ibovespa, principal índice da Bolsa de Valores de São Paulo (B3), renovou sua máxima histórica nesta quarta-feira (4/12). Por volta das 13h, o índice chegou a bater 109.839 pontos. 

Na parte da manhã foram divulgados pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) os dados da produção industrial brasileira, que apresentaram a terceira alta consecutiva, com crescimento de 0,8%. O noticiário doméstico corrobora para compras na bolsa brasileira, com dados que referendam o quadro de recuperação da atividade econômica do país.

No cenário externo, em meio à sensibilidade com os desdobramentos da guerra comercial, mesmo diante das tensões em Hong Kong e Xinjiang, ecoa no noticiário que Estados Unidos e China estão mais perto de um acerto em relação às tarifas que seriam revertidas na primeira fase do acordo comercial. 

O dólar comercial opera em leve variação negativa, por volta das 11h30, na mínima da sessão até o momento, chegou ao patamar dos R$ 4,187.

* Estagiária sob a supervisão de Vinicius Nader

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade