Publicidade

Correio Braziliense

Governo abre crédito suplementar de R$ 8,920 bi em favor de ministérios

Outros órgãos do Poder Executivo também receberam crédito suplementar no valor de R$ 340,235 milhões decorrentes da anulação de outras dotações


postado em 11/12/2019 11:00 / atualizado em 11/12/2019 11:53

Os recursos necessários à abertura do crédito decorrem da anulação de outras dotações orçamentárias(foto: Arquivo/Agência Brasil)
Os recursos necessários à abertura do crédito decorrem da anulação de outras dotações orçamentárias (foto: Arquivo/Agência Brasil)
A secretaria especial de Fazenda do Ministério da Economia abriu crédito suplementar, no valor de R$ 8,920 bilhões, em favor dos ministérios da Economia, Educação, de transferências a Estados, Distrito Federal e municípios. A portaria está publicada no Diário Oficial da União desta quarta-feira (11/12). Os recursos necessários à abertura do crédito decorrem da anulação de outras dotações orçamentárias.

Em outra portaria, a secretaria abre crédito suplementar de R$ 122 milhões em favor dos ministérios do Desenvolvimento Regional, e da Cidadania e de encargos financeiros da União.

Outros órgãos do Poder Executivo também receberam crédito suplementar no valor de R$ 340,235 milhões decorrentes da anulação de outras dotações e objeto de outro ato da Secretaria de Fazenda também publicado nesta quarta.

Foi ainda editada outra portaria que abre crédito suplementar no valor de R$ 680,848 milhões em favor dos ministérios da Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações; da Economia; de Minas e Energia; da Saúde; da Defesa; da Cidadania; da Mulher; e de encargos financeiros da União.

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade