Publicidade

Correio Braziliense

Projeto de autonomia do BC deve ser aprovado até março, diz Maia

O projeto de lei cambial que permitirá aos brasileiros ter contas em dólar também está lista de prioridades da Câmara


postado em 22/01/2020 19:49 / atualizado em 22/01/2020 20:10

(foto: Marcelo Ferreira/CB/D.A Press)
(foto: Marcelo Ferreira/CB/D.A Press)
O projeto de autonomia do Banco Central (BC) e o projeto de lei cambial que permitirá aos brasileiros ter contas em dólar estão na lista de prioridades da Câmara dos Deputados neste início de ano. E, por isso, podem ser aprovados até março.

 

O compromisso de avançar com os projetos do BC foi confirmado nesta quarta-feira (22) pelo presidente da Câmara, Rodrigo Maia (DEM-RJ), que recebeu o presidente do Banco Central, Roberto Campos Neto, na sua residência oficial, em Brasília.

 

"Vamos construir a partir do início de fevereiro essas pautas e as maiorias para que possa aprovar o mais rápido possível. [...] Vamos trabalhar como uma das priorodades do nosso primeiro semestre", anunciou Maia ao final da reunião.

 

Maia ainda afirmou que é factível a ideia de aprovar esses dois projetos até março. O prazo foi estipulado no início deste ano pelo presidente do BC, que não falou com a imprensa após a reunião. "Esses projetos já estão mais que prontos para ir a voto. Falta apenas a organização do dia da votação", explicou o presidente da Câmara.

 

Para Maia, aprovar o projeto que dá independência e autonomia para o Banco Central executar a política monetária proposta pelo governo é mais uma sinalização positiva que o Legislativo pode dar ao mercado financeiro. E, por isso, pode contribuir com a retomada da economia brasileira junto com as reformas previstas para este ano 

 

 

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade