Publicidade

Correio Braziliense

Saiba como identificar as garrafas da Heineken que podem ferir o consumidor

A cervejaria emitiu nota explicando que parte de suas garrafas long neck (330ml) pode soltar uma pequena lasca de vidro ao ser aberta


postado em 15/02/2020 17:01 / atualizado em 15/02/2020 18:15

O Grupo Heineken divulgou na sexta-feira um "recall voluntário" de alguns lotes de sua cerveja long neck (330ml). Segundo a empresa, algumas garrafas apresentaram uma falha de fabricação e podem ferir o consumidor ao serem abertas. A empresa garante que não há nenhum problema com o líquido, apenas com a embalagem.

Linha de produção da Heineken(foto: Heineken/Reprodução YouTube)
Linha de produção da Heineken (foto: Heineken/Reprodução YouTube)
"A medida é preventiva e acontece em virtude da identificação de uma alteração nas garrafas, que pode fazer com que, em menos de 0,3% das long necks desses lotes, uma pequena lasca de vidro se desprenda do bocal no momento da abertura, o que poderá ocasionar lesões ou ingestão acidental de lascas de vidro", esclerece a empresa em comunicado e vídeo (assista abaixodivulgados em seu site.

Como identificar a garrafa com problema

Para identificar os lotes que contém garrafas que podem apresentar esse problema, o consumidor deve verificar se a long neck 330ml possui as letras CH em alto-relevo na parte inferior da garrafa

"Se você encontrar essas letras, abra a garrafa com cuidado, girando a tampa, como recomenda a embalagem. Caso alguma alteração no bocal seja identificada, o produto não deve ser consumido, para evitar que você se machuque", informa a empresa.

A Heineken diz ainda que os consumidores podem pedir a substituição ou reembolso do produto. Para isso, devem entrar em contato com o Serviço de Atendimento ao Consumidor, a partir de 13 de fevereiro de 2020, pelo telefone 0800 885 2462, de segunda a sábado, das 9h às 21h ou pelo e-mail faleconosco@heineken.com.br. O consumidor deve guardar a garrafa, pois ela será recolhida pela empresa para análise.


Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade