Publicidade

Correio Braziliense

Supermercados registraram movimentação acima da média, diz associação

Número de clientes foi elevado na semana de 14 a 21 de março. Associação ressalta que movimento já se normalizou e que não há sinal de desabastecimento


postado em 06/04/2020 16:22 / atualizado em 06/04/2020 16:26

Com exceção dos produtos relacionados ao combate e prevenção da Covid-19, como álcool erm gel e máscaras, as mercadorias chegam diariamente às lojas do setor(foto: Barbara Cabral/Esp. CB/D.A Press)
Com exceção dos produtos relacionados ao combate e prevenção da Covid-19, como álcool erm gel e máscaras, as mercadorias chegam diariamente às lojas do setor (foto: Barbara Cabral/Esp. CB/D.A Press)
Os supermercados do país registraram uma movimentação acima da média na semana entre 14 e 21 de março. O dado é da Associação Brasileira de Supermercados (Abras) que credita o aumento à pandemia do novo coronavírus.
 
"A maioria [dos clientes] com o objetivo de estocar comidas para ficar mais tempo em casa”, pontuou o presidente da Associação, João Sanzovo Neto. A movimentação, contudo, tem se normalizado. A Abras enfatiza que trabalha para manter as mais de 90 mil lojas abastecidas. “A cadeia produtiva é bastante extensa, desde o produtor até as gôndolas tem muita gente envolvida, e todos estão trabalhando normalmente. A logística segue em pleno funcionamento”, acrescentou Sanzovo Neto. 

Com exceção dos produtos relacionados ao combate e prevenção da Covid-19, como álcool erm gel e máscaras, as mercadorias chegam diariamente às lojas do setor. 


Índice de Confiança do Supermercadista

A última avaliação do Índice de Confiança do Supermercadista, realizada em fevereiro, mostra uma preocupação no setor. Depois de uma alta no indicador apresentada em dezembro, ele voltou a cair. Os principais motivos apresentados são a economia, com crescimento lento e gradativo, e os impactos do novo coronavírus no mercado. 

A pesquisa registrou 57,6 pontos (em uma escala de 0 a 100), indicando que, ainda assim, o resultado é positivo, com boa expectativa para o ano. 


Índice Nacional de Vendas

A pesquisa realizada em fevereiro registrou crescimento de 4,61% no Índice Nacional de Vendas Abras em comparação com o mês de janeiro. Os dados foram apurados pelo Departamento de Economia e Pesquisa da entidade nacional. O resultado, já deflacionado pelo IPCA/IBGE.

“O autosserviço iniciou 2020 com um dos maiores resultados dos últimos 9 anos, 5,11%, e em fevereiro continuou bem positivo, registrando 4,61% de crescimento. Desde 2012 que não registrávamos um número tão bom para o mês. Por ser ano bissexto, fevereiro teve um dia a mais, e contou com a composição de cinco sábados. O resultado também foi influenciado pelo Carnaval, que em 2019 foi no início de março”, destacou João Sanzovo Neto.
 
*Estagiária sob supervisão de Fernando Jordão 

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade