Economia

China promete mais ajuda a pequenas empresas em meio à pandemia do coronavírus

Agência Estado
postado em 16/04/2020 07:47
A China prometeu nesta quinta-feira que vai reforçar a ajuda a pequenas empresas que lutam para manter os negócios em meio aos impactos da pandemia do novo coronavírus. O governo chinês vai ampliar subsídios para empréstimos voltados a firmas de vários setores, como varejo, logística, hoteleiro e turístico, segundo comunicado conjunto do Banco do Povo da China (PBoC, o BC chinês) com os ministérios de Finanças e de Recursos Humanos. Os juros sobre esses empréstimos serão 1,5 ponto porcentual menores do que as taxas de referência, sendo que a diferença dos custos será coberta pelo governo, detalha o comunicado. O governo também vai elevar o limite dos empréstimos para pequenas empresas, de 150 mil yuans para 200 mil yuans (cerca de US$ 29 mil). Em outro comunicado, o PBoC informou que vai implementar cortes de compulsórios direcionados e adotar políticas de reempréstimo para ajudar empresas dessa categoria. Fonte: Dow Jones Newswires.

Tags

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação