Economia

Dólar volta a fechar em alta, Ibovespa registra queda de 1,13%

Briga entre judiciário e executivo no Brasil e tensão entre EUA e China são os fatores da alta do dólar e queda na bolsa

Jailson R. Sena*
postado em 28/05/2020 18:03
 (foto: Jorge Araujo/Fotos)
(foto: Jorge Araujo/Fotos)
Briga entre judiciário e executivo no Brasil e tensão entre EUA e China são os fatores da alta do dólar e queda na bolsaDepois de seis quedas seguidas, o dólar fechou em alta e foi a R$ 5,28 nesta quinta-feira (28/). Um dos motivos para esse aumento é a crise política no país.

"O dólar tem refletido pelas questões domésticas como a crise entre o Judiciário e o Executivo. A explicação pela desvalorização do real diante do dólar se deve por causa da crise política que gera expectativas negativas quanto o lado fiscal de além dos gastos da pandemia, pode ter uma farra fiscal em proveito da situação; diz o economista do Ibmec Frederico Gomes

O Ibovespa fechou em queda 1,13% pressionado pela piora no humor dos investidores no mercado externo após o presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, afirmar que concederá amanhã entrevista coletiva para falar sobre a China.

[SAIBAMAIS]Hoje, o país asiático elevou as tensões com os EUA ao aprovar a controversa lei de segurança nacional para Hong Kong, cidade que teve uma série de protestos contra o governo de Pequim no início do ano.

;No cenário doméstico, a crise entre o executivo e judiciário foi refletido no início do dia na bolsa. Depois foi dominado por esse possível aumento de tensão entre Estados Unidos e China; explica Frederico.

* Estagiário sob supervisão de Vicente Nunes

Tags

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação