Economia

Petrobras inicia fase não vinculante da venda de termelétricas

Estatal segue colocando em prática seu plano de desinvestimentos. Além das refinarias e da unidade de biocombustível, também venderá participação em usinas térmicas

SIMONE KAFRUNI
postado em 06/07/2020 19:57
 (foto:  AFP / MAURO PIMENTEL)
(foto: AFP / MAURO PIMENTEL)
Estatal segue colocando em prática seu plano de desinvestimentos. Além das refinarias e da unidade de biocombustível, também venderá participação em usinas térmicasA Petrobras segue o plano de desinvestimentos, colocando à venda ativos e participações. Em continuidade ao comunicado divulgado na semana passada, anunciou, nesta segunda-feira (6/7) o início da fase não vinculante referente à venda de sua participação em cinco sociedades de geração de energia elétrica: Brasympe Energia S.A. (;Brasympe;), Energética Suape II S.A. (;Suape II;), Termoelétrica Potiguar S.A. (;TEP;), Companhia Energética Manauara S.A. (CEM) e Brentech Energia S.A. (;Brentech;).

;Os potenciais investidores habilitados para esta fase receberão instruções sobre o processo de desinvestimento, incluindo as orientações para elaboração e envio das propostas não vinculantes. A presente divulgação está de acordo com as diretrizes para desinvestimentos da Petrobras e com o regime especial de desinvestimento de ativos pelas sociedades de economia mista federais, previsto no Decreto 9.188/2017;, informou.

;A operação está alinhada à estratégia de otimização do portfólio e à melhoria de alocação do capital da companhia, visando à maximização de valor para os seus acionistas;, explicou.

Térmicas


A Petrobras detém 20% da Brasympe, que por sua vez possui 60% da Termocabo S.A., que é dona de uma usina termelétrica movida a óleo combustível situada em Pernambuco, com capacidade instalada de 49,7 megawatts (MW).

A Petrobras detém 20% da Suape II, que é proprietária de uma usina termelétrica movida a óleo combustível localizada em Pernambuco, com capacidade instalada de 381,25 MW.

A Petrobras detém 20% da TEP, que é uma holding que possui participação de 60% na Companhia Energética Manauara S.A. (CEM) e de 70% na Areia Energia S.A. e Água Limpa Energia S.A., proprietárias de pequenas centrais hidrelétricas, localizadas em Tocantins, com capacidade instalada de 11,4 MW e 14,0 MW, respectivamente.

A Petrobras detém 40% da CEM, que possui uma usina termelétrica de biocombustível (óleo combustível e gás natural) localizada no Amazonas com 85,4 MW de capacidade instalada.

A Petrobras detém 30% da Brentech, proprietária da Usina Termelétrica Goiânia II movida a diesel, localizada em Goiás, com capacidade instalada de 140,3 MW.

Tags

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação