Especial Publicitário - BRB

Aproveite as festas sem alterar a balança

A dica é evitar exageros e priorizar as frutas e saladas na ceia de ano novo

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS
Preencha todos os campos.

postado em 30/12/2013 07:00 / atualizado em 30/12/2013 07:19

É difícil pensar no fim de ano sem associar as confraternizações às mesas fartas de comidas saborosas e bebidas. Mas é preciso resistir à tentação e manter o controle para evitar que a balança fuja do controle. A dica é do nutricionista Omar Faria, especialista em nutrição estética e esportiva. Segundo ele, os cuidados para manter uma alimentação balanceada valem para todas as pessoas, não apenas para quem está de dieta.



Iano Andrade/CB/D.A Press

A principal recomendação é consumir primeiro as frutas, que muitas vezes são utilizadas apenas para a decoração. Além de saudáveis, vão ajudar a saciar a fome e, assim, evitar os excesso quando o jantar for servido. “Nas ceias, há uma variedade de frutas, como uvas, lixia, nectarinas, cerejas. Cada uma com uma propriedade nutricional específica. As frutas ressecadas, por exemplo, são extremamente antioxidantes [substâncias que previnem doenças crônicas e o envelhecimento precoce]”, explica o nutricionista.

No momento do jantar, Omar Faria aconselha as pessoas a priorizarem as carnes brancas. “A gente sempre pede para o paciente preferir os alimentos cozidos e assados, evitar as frituras e as peles”. As sobremesas também pode ser vilãs, mas há como torná-las pratos saborosos e saudáveis ao substituir os ingredientes por outros de baixa caloria. Uma sugestão é utilizar produtos diet. No lugar do sorvete, por exemplo, que tal congelar uma porção de frutas e bater no liquidificador? A calda de chocolate de alguns pratos pode ser feita com cacau, sugere o nutricionista. “Então tem como fazer as sobremesas da forma mais natural possível e reduzir de forma significativa o consumo de calorias”, diz Faria. Os drinks também podem ser fontes de carboidrato. Então uma dica é utilizar frutas no preparo e, se preciso adoçar, adicione adoçantes naturais.

 

Larissa Mantovan

 

A administradora Norma Machado, 58, afirma que mesmo durante às festividades não abre mão de uma alimentação balanceada. "Durante o ano todo eu me alimento de frutas, verduras, grelhados e no fim do ano é a mesma coisa". Já a estudante Núbia Peres, 28, revela que extrapola nas ceias, sem peso na consciência. "No Natal e no Réveillon a gente abre mão de toda a dieta, pois é tanta coisa gostosa. Eu aguardo o ano inteiro para comer peru, tender, chester e aquelas sobremesas", diz. 

Se você, assim como Núbia, pretende exagerar na ceia, tenha cuidado! Mantenha a rotina e se alimente bem no dia anterior e no dia seguinte, ficar sem comer para compensar os excessos pode ser prejudicial, alerta Omar Faria. “Essa prática pode estressar o organismo e gerar ainda o aumento da gordura e a queima de massa muscular”. O nutricionista reforça que uma dieta equilibrada aliada a prática de atividades físicas deve ser adotada durante todo o ano. Além dos benefícios estéticos, há ganhos na saúde. “Não tem um tempo específico parar querer mudar, a gente muda quando a gente quer. É claro que o começo do ano, como é um período de promessas, pode ser a data certa para mudar os hábitos". 

 

Comentários Os comentários não representam a opinião do jornal;
a responsabilidade é do autor da mensagem.