Escolas se preparam para o carnaval e blocos de rua saem na Esplanada

Neste ano, os desfiles das escolas de samba e dos blocos de enredo serão no Eixo Monumental, de 9 a 12 de fevereiro. Blocos de rua se apresentarão na Esplanada dos Ministérios e em vários espaços do Plano Piloto

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS
Preencha todos os campos.

postado em 10/01/2013 13:44 / atualizado em 04/02/2013 09:14

Ed Alves/CB/D.A Press
Brasília terá um carnaval diferente em 2013. A Passarela da Alegria, palco dos desfiles das escolas de samba, será montada no Eixo Monumental, entre o Estádio Nacional de Brasília Mané Garrincha e o Palácio do Buriti. A transferência do evento de volta para o centro da capital era uma reivindicação antiga das próprias agremiações. Nos últimos oito anos, a festa foi realizada no Ceilambódromo, em Ceilândia.


O carnaval em Brasília ocorrerá de 9 a 12 de fevereiro e contará com seis escolas de samba do Grupo Especial e 10 do Grupo de Acesso, além de quatro Blocos de Enredo. Para garantir uma folia animada na capital, o Governo do Distrito Federal determinou o pagamento antecipado da maior parte dos contratos. O valor destinado à preparação dos desfiles totaliza R$ 5,6 milhões – em 2012, o aporte foi de R$ 5,2 milhões.

A verba será paga em três parcelas: a primeira, equivalente a 37,8% do total, foi repassada em dezembro do ano passado. A segunda (52,2%) será liberada ainda em janeiro, e a terceira (10%), após os desfiles e a prestação de contas. De acordo com o secretário de Cultura, Hamilton Pereira, a decisão é resultado do diálogo entre o governo e os envolvidos na realização da festa, estabelecido por determinação do governador Agnelo Queiroz logo que assumiu a gestão.

Folia no centro
A volta dos desfiles carnavalescos para o Eixo Monumental vai facilitar o acesso de grande parte das escolas de samba e também dos foliões. No momento, a Secretaria de Cultura estuda o mapa da festa para organizar os espaços com critério. O processo de licitação das estruturas físicas já está em andamento, e a data do pregão será marcada nas próximas semanas.


O público esperado é de 50 mil pessoas, assim como em Ceilândia. Para dar mais significado ao evento, o governo determinou a escolha de temáticas para o carnaval em Brasília. Em 2011, o lema foi "paz". Já em 2012, "cidadania" deu nome à festa. O deste ano ainda não foi definido.


Outro projeto que o governo pretende executar até 2014 é a definição de um espaço permanente para a realização do carnaval. A construção de uma passarela de desfiles também é uma reivindicação antiga da comunidade. Segundo Hamilton Pereira, o assunto está na agenda e será discutido junto com o governador Agnelo Queiroz. "Todas as nossas ações passam pelo respeito à festa e seus agentes", ressalta o secretário.

Comentários Os comentários não representam a opinião do jornal;
a responsabilidade é do autor da mensagem.
 
andre
andre - 10 de Janeiro às 17:32
Durante as politicas de higienização do governo Arruda, foram proibidas manifestações públicas culturais no Plano Piloto, inclusive um bloco de rua que saía na altura da 403 sul foi massacrado em uma operação do BOPe e a cavalaria pisoteou foliões, mulheres e crianças inclusive. Tudo em nome da higi