GDF vai liberar R$ 1,498 milhão para o carnaval de rua de Brasília

O repasse será feito nesta semana aos blocos e grupos carnavalescos

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS
Preencha todos os campos.

postado em 05/02/2013 11:53

Ed Alves/CB/D.A Press

A Secretaria de Cultura do DF vai liberar R$ 1,498 milhão para patrocínio do carnaval de rua de 2013. O dinheiro já está reservado para repasse nesta semana à Liga Carnavalesca dos Trios, Bandas e Blocos Tradicionais (LCTBBT), que por sua vez fará a transferência dos recursos para cada um dos oito blocos. O montante ficou 7% mais alto em relação a 2012. A diferença principal, no entanto, está na distribuição da verba. Neste ano, todos terão a ajuda, dividida de forma igualitária, para custeio das cinco apresentações: R$ 187.250.



Para alguns, haverá vantagem. Em 2012, o GDF destinou R$ 155 mil para o Pacotão. Nesse caso, houve um ganho de R$ 32,2 mil, mas redução no patrocínio para os Raparigueiros, a Baratinha, a Baratona e o Galinho, que receberam respectivamente R$ 202 mil, R$ 192 mil, R$ 210 mil e R$ 222 mil no último carnaval.

Leia mais notícias em Carnaval 2013

Além do Pacotão, blocos como Mamãe Taguá e Menino da Ceilândia vão levar dinheiro mais neste ano. Em 2012, receberam R$ 133 mil e R$ 138 mil, respectivamente, segundo dados do sistema de acompanhamento da gestão orçamentária (SIGGO), levantados pelo gabinete do deputado distrital Chico Leite (PT).

O presidente da LCTBBT, Jean de Sousa Costa, diz que houve insatisfação entre os dirigentes. “A Secretaria de Cultura tomou a iniciativa de uniformizar o repasse, com pagamento por número de apresentações. Vamos discutir esse critério depois do carnaval e procurar o governo”, acrescenta.

Segundo o carnavalesco, o dinheiro paga parte dos custos relativos à contratação de músicos, orquestra, passistas, pessoal de apoio, seguranças, brigadistas, porta-estandarte e bailarinos. “As estruturas são muito grandes”, justifica. O projeto total para os desfiles, nos quatro dias do carnaval e no último sábado, tem um custo total de R$ 3,7 milhões, de acordo com o presidente da Liga.

O GDF também terá outros gastos, com banheiros químicos, policiamento e toda a infraestrutura local para a passagem dos blocos. No contrato com a LCTBBT, a exigência da Secretaria de Cultura é de que o acesso aos foliões seja aberto, com entrada franca, sem discriminação. “Em 2012, os blocos atraíram 200 mil pessoas. Neste ano, esperamos 250 mil”, diz Jean Costa.

Comentários Os comentários não representam a opinião do jornal;
a responsabilidade é do autor da mensagem.
 
Luiz
Luiz - 06 de Fevereiro às 09:20
Não vamos esquecer que fomos nos que elegemos esses caras que deram nosso dinheiro para essas escolas de samba.
 
Fernando
Fernando - 06 de Fevereiro às 08:33
Nem só de pão o homem viverá! Viva o Carnaval!!!!
 
Implacável
Implacável - 05 de Fevereiro às 20:00
Essa é uma pouca vergonha, o brasiliense está precisando é de saúde, segurança, educação e transporte de qualidade e não essa idiotice de um carnaval medíocre e sem graça...
 
GILMAR
GILMAR - 05 de Fevereiro às 18:40
dinheiro jogado fora !
 
Cesar
Cesar - 05 de Fevereiro às 17:51
Esse valor daria pra bancar 30mil ingressos numa boa balada da Asa Sul. Será mesmo que é dinheiro bem aplicado? Qual o retorno disso?
 
Antonio
Antonio - 05 de Fevereiro às 17:12
1,5milhão em dinheiro público pra "patrocínio" (leia-se: dinheiro gasto sem prestação de contas) Enquanto isso, veja como estão nossos Hospitais Públicos....
 
VASCO
VASCO - 05 de Fevereiro às 16:04
CARNAVAL 2013: OUÇA MARCHINHA DOS MENSALEIROS TIRA ESTA CARGA DO MEU POVO PRESIDENTE MEU POVO NÃO É BURRO NÃO/ SÃO 6 MESES DESALÁRIOS PRESIDENTE/ PRA ENCHER OS COFRES DA UNIÃO E DEPOIS (...) JOAQUIM BARBOSA FOI MUITO ATUANTE/CONDENANDO 25 MELIANTES/ SINTO FALTA DA UNE E DA OAB PRA BOTAR (..)
 
sebastiao
sebastiao - 05 de Fevereiro às 14:33
Atropelou e matou o portugues, sem prestar socorro...
 
VALDO
VALDO - 05 de Fevereiro às 14:14
Gastar este dinheiro todo com esta festa profana, promiscoa, libidinosa e pecador, um bando de gente pulando em ritimo louco embriagas. coitados eles não sabem o que fazem.