Desfile de blocos de enredo tem pequena presença do público no sambódromo

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS
Preencha todos os campos.

postado em 09/02/2013 21:24 / atualizado em 10/02/2013 01:34

Ed Alves/CB/D.A Press

 

O desfile dos blocos de enredo teve público decepcionante. Cerca de 800 pessoas assitiram ao evento que invadiu a madrugada deste domingo (10/2). A expectativa dos organizadores era de um público de cerca de 3 mil folliões.



O desfile começou com público pequeno e arquibancadas vazias neste sábado (9/2). O primeiro grupo a entrar na avenida foi Unidos de Planaltina, com o enredo Colombina e Pierrot.

 

Ed Alves/CB/D.A Press

 

O bloco Gigante da Colina, de Águas Claras, levou para a Passarela da Alegria o enredo "Do crepúsculo à alvorada: o despertar das emoções". O grupo entrou na avenida com bruxas e zumbis fazendo performance na comissão de frente.

 

O Projeto Colibri, escola de São Sebastião, traz para a avenida o samba enredo Festa das raças. A escola aposta em fantasias de índio. 

 

Depois de oito anos sendo realizado no Ceilambódromo, o desfile dos blocos de enredo e das escolas de samba de Brasília está de volta para a passarela da alegria no Plano Piloto. O retorno é uma reivindicação das agremiações e grupos carnavalescos. O objetivo, segundo a Secretaria de Cultura, é facilitar o acesso de grande parte das agremiações e também dos foliões.

 

Com informações de Luiz Calcagno

Comentários Os comentários não representam a opinião do jornal;
a responsabilidade é do autor da mensagem.
 
Tucano
Tucano - 10 de Fevereiro às 11:40
Esse tipo de folia tem que usar dinheiro da iniciativa privada. Esse negócio de colocar dinheiro público pra financiar bundas rebolantes e batucadas tá muito errado. R$ 5,6 milhões davam para reformar algumas escolas e comprar remédios para a população.
 
vicente
vicente - 10 de Fevereiro às 11:19
As satelites a população cerece de lazer, mas a sapiencia diz mais alto e coloca no plano, dá nisso!
 
Luiz
Luiz - 10 de Fevereiro às 10:57
O pequeno público presente ao desfile carnavalesco, prova que o lugar do carnaval do DF é na Ceilândia!
 
Leonardo
Leonardo - 10 de Fevereiro às 10:36
Quanto dinheiro o governo ainda irá gastar até perceber que esse lance de desfile de escola de samba no DF nunca vai pra frente? Quando essas "escolas" chegarem ao nível do RJ ou SP, as de lá terão carros alegóricos voadores ou desfiles me holograma e 4D. kkkkkkkkk
 
Mônica
Mônica - 10 de Fevereiro às 10:00
Taí, mais uma "grande obra" do Governo bosta do PT!
 
Pablo
Pablo - 09 de Fevereiro às 22:33
é mesmo? Acesso fácil, mas ninguém quer ir assistir. No Ceilambódromo ia muito mais gente. Agora, eles podem desfilar para os pombos e para o vento.