Império de Casa Verde encerra último dia de desfiles em São Paulo

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS
Preencha todos os campos.

postado em 10/02/2013 07:17 / atualizado em 10/02/2013 13:11

Nelson Almeida/AFP

 

A Império de Casa Verde encerrou o segundo e último dia de desfiles de São Paulo. A escola entrou na Sapucaí às 6h02 com o tema Pra Todo Mal, A Cura – Quem Canta Seus Males Espanta” e para o alívio da agremiação conseguiu encerrar a festa, já com o dia amanhecendo, dentro do tempo correto. A escola cantou a medicina e mostrou os caminhos para a cura.



AFP PHOTO/YASUYOSHI CHIBA

A noite em São Paulo começou com a Nenê de Vila Matilde, que abriu os desfiles com o enredo "Da Revolta dos Búzios à atualidade. Nenê canta a igualdade".

 

AFP PHOTO/YASUYOSHI CHIBA

Depois foi a vez da Gaviões da Fiel levantar o público no Anhembi. O desfile começou às 0h03 e terminou à 1h06 falando sobre a importância da publicidade.

AFP PHOTO/YASUYOSHI CHIBA

A terceira escola a desfilar foi a atual campeã do carnaval paulista, a Mocidade Alegre. Com o enredo “A sedução me fez provar, me entregar à tentação... da versão original, qual será o final?”, a escola tenta o bicampeonato.

 

AFP PHOTO / Nelson ALMEIDA

Em seguida foi a vez da Tom Maior levar alegria para o Anhembi. Entrando pela madrugada, a agremiação desfilou na passarela do samba sob o tema ““Parque dos Desejos – O seu passaporte do prazer”.

 

 AFP PHOTO / Nelson ALMEIDA

A Unidos da Vila Maria foi a quinta escola a desfilar e neste ano prestu uma homenagem aos 50 anos da imigração coreana no Brasil. Destaque para o cover do cantor sul-coreano Psy, sucesso com a música Gangnam Style.

 

AFP PHOTO/YASUYOSHI CHIBA

A Acadêmicos do Tucuruvi falou sobre a vida e obra de Mazzaropi, com o enredo “Mazzaropi: o adorável caipira. 100 anos de alegria”. E a Império de Casa Verde foi a última a entrar no sambódromo.

Comentários Os comentários não representam a opinião do jornal;
a responsabilidade é do autor da mensagem.