Especial Publicitário - Senai

Mostra Brasília exibe três longas e 13 curtas de diretores da cidade

As exibições têm início nesta quinta (18/9), a partir das 18h, no Cine Brasília

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS
Preencha todos os campos.

postado em 18/09/2014 08:05 / atualizado em 19/09/2014 13:30

Alexandre Magno/Divulgação


A Mostra Brasília tem início hoje com um programa de três longas e 13 curtas assinados por diretores da cidade e selecionados para concorrer ao Troféu Câmara Legislativa — em uma espécie de festival paralelo. Escolhidos por uma comissão de seleção formada por Graça Coutinho, Gustavo Galvão, Laura Maria Coutinho, Pablo Fagundes e Mike Peixoto, os filmes concorrem a R$ 200 mil em prêmios divididos em dez categorias.


Em 2014, entre os selecionados, não houve divisão de filmes em documentário e em ficção. Os gêneros concorrem juntos nas diferentes categorias. Entre os longas estão os documentários Zirig Dum Brasília – a arte e o sonho de Renato Matos, de André Luiz Oliveira, e Branco sai. Preto fica, de Adirley Queirós, além da ficção Jogo da memória, de Jimi Figueiredo. O prêmio será entregue no mesmo dia da premiação da mostra competitiva do festival e o júri é formado por Marcélia Cartaxo, Sérgio Bazzi e Maria do Rosário Caetano. “O objetivo da mostra é incentivar, reconhecer e valorizar o cinema brasiliense. Já tivemos vários filmes que foram selecionados pela Mostra Brasília que ganharam prêmios aqui e lá fora e que não estiveram na mostra competitiva”, conta Verônica Pedra, coordenadora do Troféu Brasília.

A novidade da Mostra Brasília este ano é a exibição dos filmes em quatro cidades. Os Sesc da Ceilândia e do Gama, o Teatro de Sobradinho e o Teatro da Praça, de Taguatinga, receberão os longas no mesmo dia em que eles passam no Cine Brasília. “Isso traz uma coisa de vizinhança, que estava faltando, e resgata a coisa antiga do cinema de rua”, acredita Verônica.

A matéria completa está disponível aqui, para assinantes. Para assinar, clique aqui.
Comentários Os comentários não representam a opinião do jornal;
a responsabilidade é do autor da mensagem.