Cerca de 80% dos condomínios do DF ainda não adota hidrômetros individuais

Os edifícios têm até 1º de janeiro de 2015 para implantar a hidrometração individualizada ou solicitar a dispensa à Adasa

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS
Preencha todos os campos.

postado em 05/04/2013 15:42

Dados divulgados nesta sexta-feira (5/4) pela Agência Reguladora de Águas, Energia e Saneamento do Distrito Federal (Adasa) apontam que, aproximadamente, 80% dos condomínios verticais residenciais ou mistos da capital ainda não instalaram hidrômetros individuais. Os edifícios têm até 1º de janeiro de 2015 para implantar a hidrometração individualizada ou solicitar a dispensa à agência reguladora. No momento, a Adasa elabora uma proposta de resolução para definir as normas que atingirão os usuários que não cumprirem o prazo.


Leia mais notícias do Ser Sustentável

Até o momento, ainda segundo a Adasa, seis mil usuários encaminharam o pedido de dispensa para não adotar o procedimento, alegando inviabilidade financeira ou técnica. Já os condomínios que adotaram o sistema (61.530) correspondem a 10% do total de ligações de água na capital. A região de Águas Claras tem o maior número de adesões, com o total de 17.719 unidades (veja o quadro).

Divulgação/Adasa

Segundo o responsável pelo programa de hidrometração individualizada, Igor Medeiros da Silva, quem adota o sistema tem redução de 15% a 30% no consumo de água. "O outro ponto é que todos os condomínios são obrigados a ter a hidrometração individualizada ou justificar a dispensa, mesmo aqueles construídos antes de 2006, quando o sistema passou a fazer parte dos novos edifícios", salienta.

Para pedir a dispensa da instalação do sistema, é preciso que o assunto seja votado pelos condôminos em assembléia, se possível, baseando-se em uma avaliação técnica das condições físicas e financeiras do edifício. A Adasa, por sua vez, verifica se a assembléia ocorreu e homologa o pedido de dispensa.

Entenda

A lei 3.557, de 2005, prevê que todos os novos projetos arquitetônicos de condomínios residenciais e de uso misto, a partir de agosto de 2006, devem prever a hidrometração individualizada. Já os projetos anteriores à data, também são obrigados a adotar o sistema, ou justificar à Adasa a não adoção até janeiro de 2015.

Com informações da Adasa
Comentários Os comentários não representam a opinião do jornal;
a responsabilidade é do autor da mensagem.