Fórum nesta terça debate formas de combate aos incêndios florestais no DF

Com a chegada do período de estiagem, órgãos públicos se mobilizam para traçar planos de ação com o objetivo de reduzir os prejuízos causados pelo fogo em reservas ecológicas

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS
Preencha todos os campos.

postado em 21/05/2013 13:27 / atualizado em 21/05/2013 13:39

O 15º Fórum do Plano de Prevenção e Combate aos Incêndios Florestais do DF será realizado nesta terça (21/5) e quarta-feira (22) no auditório do Conselho Regional de Engenharia e Agronomia (Crea-DF). O objetivo é fazer um balanço das ações do ano passado e, principalmente, traçar estratégias para enfrentar, em 2013, o período de baixa umidade relativa do ar e de queimadas no cerrado, que muitas vezes consomem reservas de preservação ambiental.


Leia mais notícias do Ser Sustentável

Daniel Ferreira/CB/D.A Press

Representantes do Corpo de Bombeiros, Serviço de Limpeza Urbana (SLU), Secretaria de Meio Ambiente e Recursos Hídricos (Semarh), Parque Nacional de Brasília, Jardim Botânico de Brasília e Defesa Civil vão se encontrar, nos dois dias, das 8h às 17h30. A reunião também vai servir para discutir outros pontos, como campanhas de conscientização, preservação das unidades de conservação, e saúde ambiental.

Histórico
O Plano de Prevenção e Combate aos Incêndios Florestais foi criado em 1996 e tem como meta otimizar os recursos públicos disponíveis para combater os incêndios florestais em matas brasileiras.

Em Brasília, a preocupação está concentrada no Parque Nacional de Brasília, no Jardim Botânico, na Estação Ecológica de Águas Emendadas, na Reserva Ecológica do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), além da Fazenda Água Limpa, da Universidade de Brasília.

15º Fórum de Prevenção e Combate aos Incêndios Florestais no DF
De 21 a 22 de maio
Das 8h às 17h30
Local: Auditório do CREA-DF, 901 Sul
Comentários Os comentários não representam a opinião do jornal;
a responsabilidade é do autor da mensagem.