Cidades-sede da Copa vão mapear emissões de gases poluentes durante evento

Serão mapeadas as intervenções para a preparação até o deslocamento dos torcedores durante a competição

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS
Preencha todos os campos.

postado em 24/10/2013 10:19 / atualizado em 24/10/2013 10:58

O Programa das Nações Unidas para o Meio Ambiente, o Ministério do Meio Ambiente e o Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovação vão capacitar agentes nas 12 cidades-sede da Copa do Mundo para mapear as emissões de gases de efeito estufa durante o megaevento -- desde as intervenções para a preparação até o deslocamento de torcedores durante a competição -- que serão reunidas em um inventário. Brasília recebeu o workshop na segunda e terça-feira (21 e 22/10).


Leia mais notícias do Ser Sustentável


A compilação dará base para iniciativas de redução e compensação e também incluirá o inventário de emissões da Copa das Confederações. Os principais resultados esperados para os workshops são a qualificação de políticas públicas locais sobre mudanças climáticas, mais contribuições para a estratégia nacional de mitigação de emissões, o fortalecimento das iniciativas locais de compensação dessas emissões e transferência de conhecimento sobre inventários de emissões e medidas de compensação.

Após Brasília, o workshop será realizado em todas as demais cidades-sede da Copa do Mundo 2014. Natal receberá a oficina nos dias 24 e 25 de outubro, Cuiabá e Curitiba em 31 de outubro e 1º de novembro, Recife e Salvador em 4 e 5 de novembro, Fortaleza e São Paulo em 11 e 12 de novembro, Belo Horizonte e Porto Alegre em 18 e 19 de novembro, e Manaus e Rio de Janeiro em 21 e 22 de novembro.
Comentários Os comentários não representam a opinião do jornal;
a responsabilidade é do autor da mensagem.