Uma disputa por água a cada quatro dias é o novo cenário no Brasil

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS
Preencha todos os campos.

postado em 28/03/2014 16:52

Segundo dados do levantamento anual feito pela Comissão Pastoral da Terra (CPT), as disputas por água no Brasil atingiram um novo recorde em 2013. Foram identificados 93 conflitos por recursos hídricos em 19 estados, o que significa um conflito a cada quatro dias no ano.



No ano passado, houve um aumento de 17% no numero de disputas em relação a 2012. Dentre os estados que registraram disputas por água, a Bahia foi a com maior número: 21 casos. Em segundo lugar aparece o Rio de Janeiro, com sete disputas.

 

Leia mais notícias do Ser Sustentável

 

De acordo com a CPT, grande parte destas disputas ocorrem para evitar a apropriação de recursos hídricos por empresas, mineradoras e fazendas ou para impedir a contrução de barragens ou açudes.

"Além da investida na Amazônia, com a construção de duas grandes hidrelétricas, de Belo Monte e Tapajós, o cerrado e a Mata Atlântica também têm sofrido com mais conflitos por causa de disputas de territórios entre comunidades pobres e grandes empresas de mineração e agricultores", afirma Isolete Wichinieski, coordenadora nacional do CPT.

 

 

Comentários Os comentários não representam a opinião do jornal;
a responsabilidade é do autor da mensagem.