Último relatório da ONU sobre aquecimento global revela dados alarmantes

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

- AMIGO + AMIGOS
Preencha todos os campos.

postado em 31/03/2014 17:11 / atualizado em 31/03/2014 17:14

O impacto do aquecimento global no mundo será “grave, abrangente e irreversível”, conforme relatório divulgado hoje (31/03) pelo Painel Intergovernamental sobre Mudanças Climáticas (IPCC, na sigla em inglês) da ONU.


Ficou claro no relatório que o fenômeno do aquecimento global é uma crescente ameaça à saúde, à economia e aos recursos hidrícos e alimentares. Uma ação imediata dos governos, defendida pelos cientistas que fizeram o estudo, é necessária para reduzir o impacto das emissões de carbono e evitar possíveis desastres naturais e guerras.

Leia mais notícias do Ser Sustentável


Além de afetar primeiramente a população pobre, o aquecimento global, ao se agravar, pode desencadear consequências graves que podem ser irreverssíveis ou supreendentes. Os cientistas calcularam, por exemplo, que o fenômeno poderá reduzir o PIB global entre 0,2 e 2% ao ano, caso as temperaturas subam até 2 graus Celsius.

O texto afirma ainda que a quantidade de provas científicas do impacto do aquecimento global dobrou desde o último relatório, lançado em 2007."Ninguém neste planeta ficará imune aos impactos das mudanças climáticas", disse o diretor do IPCC, Rajendra Pachauri. Baseado em mais de 12 mil estudos publicados em revistas científicas, o relatório do IPCC é “a mais sólida evidência que se pode ter em qualquer disciplina científica", afirmou o secretário-geral da Associação Mundial de Meteorologia, Michel Jarraud.

O novo relatório é o segundo em uma série de quatro com o objetivo de orientar os governos que se comprometeram a definir, até 2015, um novo tratado global contra a mudança climática. Anteriormente, o IPCC já havia alertado que a ação humana é muito provavelmente a causa do aquecimento global.
Comentários Os comentários não representam a opinião do jornal;
a responsabilidade é do autor da mensagem.