Publicidade

Correio Braziliense

Projeto levará para TV aberta aulas preparatórias para o Enem

Com programação semanal e aulões aos sábados, a iniciativa pretende diminuir os impactos causados pela suspensão das aulas presenciais


postado em 25/05/2020 21:02 / atualizado em 25/05/2020 21:18

A Associação Luta Pela Vida (ALV), em parceria com o Instituto Bora Vencer (IBV), lançará para alunos do Distrito Federal o Projeto AprovAção. Com programas exibidos de segunda a sexta-feira na TV aberta e aulões aos sábados, a iniciativa quer entregar aos estudantes que estão se preparando para o Exame Nacional do Ensino Médio (Enem), um total de 260 horas de conteúdo inédito. 
 
Com início previsto para junho, projeto que levar 260h de programação sobre o Enem para TV aberta.(foto: Pixabay/Reprodução)
Com início previsto para junho, projeto que levar 260h de programação sobre o Enem para TV aberta. (foto: Pixabay/Reprodução)
 
Inicialmente, o projeto é focado em estudantes do DF, mas pretende expandir para outras regiões do país. Os alunos estão com aulas suspensas desde o decreto nº 40.509, publicado em 12 de março pelo do Governo do Distrito Federal (GDF), que estabeleceu a suspensão das aulas nas redes pública e privada. A iniciativa também busca apoio de empresários e parlamentares para viabilizar o projeto. A plataforma será conduzida por professores do Distrito Federal e terá aulas transmitidas pela TV aberta e internet.

Para tentar compensar a perda das aulas, escolas públicas e particulares adotaram o ensino a distância pela internet. Entretanto, cerca de 50% dos alunos da rede pública não têm computador ou têm acesso à internet de qualidade que permita assistir a vídeos on-line. Consequentemente, esses alunos terão perda de qualidade e queda de desempenho escolar. A situação se agrava no caso dos estudantes que estão se preparando para o Enem, principal forma de acesso às universidades públicas do país.

Programação

De segunda a sexta-feira, serão duas horas de aulas inéditas por dia exibidas em dois horários, manhã e tarde. Aos sábados, os estudantes vão acompanhar os tradicionais aulões, com três horas de duração. Assim, o Aprovação ofereceraá 20 semanas de programas, um total de 260 horas de conteúdo, com início previsto para junho de 2020.

O projeto ainda contará com um extenso material de apoio. Acessando o site, que ainda será disponibilizado, os estudantes poderão complementar o aprendizado com exercícios de fixação, material didático para download, simulados, além de poder assistir ou fazer o download das aulas já exibidas. Aqueles que não tiverem condições de acessar o conteúdo pela internet terão apostilas gratuitas, que serão retiradas em locais estratégicos.

O Aprovação, no entanto, só será viabilizado por meio de patrocínios de empresas públicas e privadas, além de doações. Os interessados em colaborar com o projeto devem entrar em contato pelo e-mail contato@programaaprovacao.com.br. O objetivo é expandir o programa para várias cidades do Brasil, atingindo o maior número de estudantes.

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade

MAIS NOTÍCIAS

publicidade
publicidade
publicidade
publicidade
publicidade
publicidade