Publicidade

Correio Braziliense

Encceja 2019: Mais de 100 mil pessoas fazem a prova em Brasília

Os exames ocorrem neste domingo. No Brasil todo, foram quase três milhões de inscritos que buscam certificados de conclusão dos cursos de ensino fundamental e médio


postado em 25/08/2019 14:13 / atualizado em 25/08/2019 16:52

(foto: Ed Alves/CB/D.A. Press)
(foto: Ed Alves/CB/D.A. Press)
Neste domingo (25/8), 100,4 mil pessoas fazem o Exame Nacional para Certificação de Competências de Jovens e Adultos (Encceja) em Brasília. As provas foram realizadas em colégios da capital durante a manhã e continuam sendo aplicadas no período da tarde. No Brasil todo, foram 2.973.375 inscritos. 

O Encceja, desde 2017, tem a função de emitir certificado de conclusão dos cursos de ensino fundamental e médio para brasileiros que não conseguiram concluir os estudos na idade padrão. O exame é aplicado, neste domingo, em 611 municípios brasileiros. Em 15 de setembro, haverá também provas em 18 cidades do exterior. 
 
(foto: Ed Alves/CB/D.A. Press.)
(foto: Ed Alves/CB/D.A. Press.)
 

Os dados sobre exame, como o número de abstenção, serão divulgados apenas na segunda-feira (26/8), em balanco feito pelo Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep), órgão responsável pela organização da prova. O gabarito oficial, de acordo com o Inep, será divulgado em até 10 dias úteis.

A cabeleireira Clara Rocha, 35, conta que parou de estudar há cerca de 10 anos. À época, engravidou e não conseguiu concluir o ensino médio. Ficou sabendo recentemente do Encceja e quis aproveitar a oportunidade para conseguir o certificado. "É uma chance muito boa de a gente crescer, de conseguir novas oportunidades."

O desejo agora é de fazer faculdade, caso consiga aprovação no exame. "Penso em fazer enfermagem, mas, se surgir outros cursos, também pode ser. Quanto mais currículo, melhor", disse.

Talita Pereira, 26, está desempregada e acredita que a certificação do Ensino Médio vai ajudar a conseguir mais chances de emprego. "É importante demais, está difícil e isso deve colaborar", acredita. É o segundo ano que ela faz as provas do Encceja. "No ano passado, ficou faltando passar em algumas disciplinas. Voltei para concluir", disse. Ela sonha em fazer faculdade e, no futuro, tornar-se policial.

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade

MAIS NOTÍCIAS

publicidade
AlfaCon Concursos promove aulão on-line 14:36 - 24/02/2020 - Compartilhe

AlfaCon Concursos promove aulão on-line

Renapsi abre 69 vagas para jovem aprendiz 13:13 - 24/02/2020 - Compartilhe

Renapsi abre 69 vagas para jovem aprendiz

publicidade
Garanta sua vaga temporária 20:33 - 23/02/2020 - Compartilhe

Garanta sua vaga temporária

publicidade
publicidade
publicidade
publicidade