Publicidade

Correio Braziliense

Congresso derruba veto de Bolsonaro a atendimento psicológico em escolas

PL que havia sido vetado em outubro agora vai virar lei. Proposta garante atendimento psicológico a alunos da rede pública


postado em 27/11/2019 19:49

Durante sessão ocorrida na tarde desta quarta-feira (27), o Plenário do Congresso Nacional derrubou o veto presidencial ao projeto de lei nº 3.688/00, que garante o atendimento psicológico e de assistente social para estudantes de escolas públicas.
 
Projeto garante apoio psicológico a estudantes de escolas públicas (foto: Ed Alves/CB/D.A Press)
Projeto garante apoio psicológico a estudantes de escolas públicas (foto: Ed Alves/CB/D.A Press)

 
Em outubro deste ano, o presidente Jair Bolsonaro havia vetado integralmente o projeto sob o argumento de que a proposta criaria despesas obrigatórias ao Poder Executivo, sem a indicação da fonte de custeio. De acordo com ele, por essa razão, seria inconstitucional e contrário ao interesse público. Com a rejeição ao veto, esse e outros projetos analisados pelos parlamentares virarão novas leis. 

De acordo com a proposta do ex-deputado José Carlos Elias, psicólogos e assistentes sociais deverão atender estudantes do ensino básico da rede pública de ensino, buscando a melhoria no processo de aprendizagem e das relações entre alunos, professores e a comunidade escolar. Também garante que alunos sejam atendidos por profissionais do Sistema Único de Saúde (SUS), quando necessário.

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade

MAIS NOTÍCIAS

publicidade
publicidade
publicidade
publicidade
publicidade
publicidade