Publicidade

Correio Braziliense

Mais de 43 mil pessoas se cadastram para opinar sobre o Future-se

As sugestões de consulta pública serão usadas pelo Ministério da Educação para aperfeiçoar a proposta


postado em 13/08/2019 14:17 / atualizado em 13/08/2019 14:32

A gestão de Abraham Weintraub à frente do Ministério da Educação (MEC) lançou o programa Future-se há menos de um mês, em 17 de julho, e a proposta vem gerando polêmica desde então. O projeto se propõe "dar maior autonomia" à gestão das universidades e dos institutos federais, ao facilitar investimentos particulares na educação superior pública. 

Texto de boas-vindas no site da consulta pública sobre o programa(foto: Future-se/Reprodução)
Texto de boas-vindas no site da consulta pública sobre o programa (foto: Future-se/Reprodução)

Para aperfeiçoar o programa, o MEC lançou uma consulta pública que já conta com mais de 43 mil inscritos. Os cadastrados poderão avaliar e dar sugestões com relação à iniciativa. Até segunda-feira (12/8), 14.265 comentários foram registrados no sistema sobre pelo menos um dos pontos da proposta.

Quer opinar?

Quem desejar avaliar e dar sugestões ao Future-se precisa se cadastrar com e-mail e CPF pelo site. É preciso informar ainda cidade, unidade da Federação, faixa etária, nível de escolaridade e ocupação.

 

Num primeiro momento, os interessados deverão avaliar se pontos da proposta estão "totalmente claros",  "claros com ressalvas" ou "não estão claros". Há ainda espaço para incluir comentários por escrito. Num segundo momento, é possível deixar comentários gerais sobre a proposta e dar sugestões.

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade

MAIS NOTÍCIAS

publicidade
publicidade
publicidade
publicidade
publicidade
publicidade