Publicidade

Correio Braziliense

19º Semana Universitária da UnB se aproxima

A partir de segunda-feira (23), todos os câmpus da Universidade de Brasília recebem atividades como palestras e workshops, em programação aberta e gratuita. Abertura será com palestra de Viviane Mosé


postado em 20/09/2019 20:05 / atualizado em 24/09/2019 16:24

Na próxima semana, a Universidade de Brasília (UnB) será palco de mais de 800 atividades distribuídas por todos os câmpus da instituição. A 19ª edição da Semana Universitária (Semuni) aumentou em quase 50% o seu volume de eventos em relação ao ano passado. Quem ainda não se inscreveu pode entrar no site do Sistema de Extensão (Siex) para fazer o cadastro e conferir os trabalhos que ainda têm vagas disponível. O Decanato de Extensão também preparou um tutorial com o passo a passo da inscrição. 
 
Viviane Mosé abre o evento com palestra(foto: Divulgação)
Viviane Mosé abre o evento com palestra (foto: Divulgação)
 
A abertura da Semuni, na segunda (23), contará com a presença da filósofa e escritora Viviane Mosé. A palestra será realizada no auditório da ADUnB, às 19h, e vai incluir o lançamento do livro A espécie que sabe: do Homo sapiens à crise da razão, com sessão de autógrafos na sequência. O encerramento, em 27 de setembro, fica por conta de palestra do escritor moçambicano Mia Couto. Ele também receberá o título de Doutor Honoris Causa pela UnB.
 
Alexandre Pilate, da organização da Semuni, explica que um dos objetivos do evento é ter atividades para toda a comunidade aproveitar, promovendo um diálogo e mostrando que a universidade está de portas abertas para qualquer pessoa. Por isso, o tema deste ano é Encontros que Transformam. Eles esperam que os indivíduos possam se encontrar, tanto individualmente, se descobrindo, como coletivamente.

Escolas também participam

A expectativa é que aproximadamente 20 mil pessoas compareçam. Muitas escolas de ensino médio e fundamental do Distrito Federal devem marcar presença, principalmente as públicas. Na programação, há atividades voltadas para esse público, como mostras de cursos universitários, com palestrantes contando o dia a dia de cada graduação. Há espaço também para visitas ao museu de anatomia, da Faculdade de Medicina.
 
Silvia Suassuna, estudante de ciência política, aproveitará a Semuni para assistir palestras no seu departamento(foto: Arquivo pessoal)
Silvia Suassuna, estudante de ciência política, aproveitará a Semuni para assistir palestras no seu departamento (foto: Arquivo pessoal)
 
Silvia Suassuna, 19 anos, estudante de ciência política do câmpus Darcy Ribeiro, entrou na universidade desde o ano passado, mas só neste semestre vai participar da Semana Universitária. “Preferi aproveitar que não teriam aulas para descansar e estudar em um ritmo mais calmo do que das últimas semanas.”

No começo do mês, Silvia se inscreveu em duas atividades: uma simulação do Projeto Politeia e uma palestra do Programa de Ensino Tutorial (PET), ambos projetos de extensão do Instituto de Ciência Política da UnB (Ipol). Ela conta que queria muito conferir a palestra do escritor Mia Couto, mas não conseguiu se cadastrar, pois não a encontrou no sistema de extensão. “Na minha opinião, faltaram informações sobre horário, local e dia, em relação à uma das principais palestras da Semuni.”
 
 
Ao contrário da Silvia, o estudante de contabilidade Gabriel Soares, 20, preferiu a programação do ano passado. Neste semestre, ele não encontrou muitas palestras voltadas para a área de interesse dele, finanças e contabilidade prática. Contudo, a experiência do jovem na edição anterior foi muito agradável. Ele participou de duas atividades na Faculdade de Administração, Contabilidade, Economia e Gestão de Políticas Públicas (FACE). A primeira tatava de E-social e outra sobre o SPED Fiscal.

“As palestras foram muito boas, porque na época eu não tinha muita noção sobre esses dois assuntos. Deu para aproveitar bastante, foi muito bom mesmo”, diz o universitário. Neste ano, ele entrou no site e se interessou por duas aulas. Uma sobre leitura e interpretação de texto em inglês e outra sobre oficina e planejamento da vida acadêmica. Porém, não conseguiu se inscrever em nenhuma, pois a primeira só ofertou 20 vagas e já havia esgotado, e a segunda tinha o horário incompatível com a sua agenda.
 
*Estagiária sob supervisão de Jairo Macedo 

Os comentários não representam a opinião do jornal e são de responsabilidade do autor. As mensagens estão sujeitas a moderação prévia antes da publicação

Publicidade

MAIS NOTÍCIAS

publicidade
publicidade
Inep divulga gabaritos do Encceja PPL 20:19 - 15/10/2019 - Compartilhe

Inep divulga gabaritos do Encceja PPL

publicidade
publicidade
publicidade
publicidade